ANO: 26 | Nº: 6526
28/05/2018 Cidade

Hemopel coleta 90 bolsas de sangue

Foto: Tiago Rolim de Moura

Doação cumpriu a meta do mês
Doação cumpriu a meta do mês

A quarta coleta de sangue do ano, em Bagé, superou as expectativas do Hemocentro de Pelotas (Hemopel). A ação, realizada no sábado, no Hospital Universitário Doutor Mário Araújo, mantido pela Fundação Attila Taborda (Fat/Urcamp), realizou os 130 cadastros previstos, coletando 90 bolsas.
De acordo com a coordenadora da equipe do Hemoel, Gisele Pinto, a campanha contou com o apoio do Exército, principalmente do 25º Grupo de Artilharia de Campanha (25ª GAC) e do 3º Regimento de Cavalaria Mecanizado (3º R C Mec). Pessoas de Candiota também fizeram doação direcionada para pacientes, como o menino Elieézer Trindade Chaves Medeiros, de 1 ano e sete meses, que está internado, há 30 dias, no Hospital de Santa Maria, com enfermidade rara.
A coordenadora ressalta que essa é a meta mensal do Hemocentro, mas as últimas coletas da equipe ficaram abaixo desse número. No mês passado, foram 88 cadastros e 80 bolsas. Em março, o número de bolsas também foi abaixo do esperado: foram feitos 85 cadastros e coletadas 43 bolsas. Em fevereiro, na primeira coleta de 2018, foram cadastradas 130 pessoas e coletadas 95 bolsas.
O militar Eric Machado, 18 anos, foi um dos voluntários, no sábado. O jovem doou pela primeira vez, através de uma solicitação do quartel. Ele fez a doação direcionada para um paciente que fará uma cirurgia cardíaca.
O mesmo aconteceu com a dona de casa Girlene Leão Padilha, 41 anos. A doadora é conhecida da família de um paciente que fará cirurgia no Hospital de Beneficência, em Pelotas.
Já a doméstica Anelise Cristina de Fernandes Rodrigues, 36 anos, atendeu o apelo do MINUANO e foi doar para Eliézer. Ela tem o tipo sanguíneo "O" negativo, o mesmo que o menino necessita. “Na última campanha não consegui realizar a doação”, disse.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Em tempo real

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...