ANO: 25 | Nº: 6353
29/06/2018 Cidade

Bagé perde 23ª edição do Dia do Desafio

Foto: Tiago Rolim de Moura

Rainha da Fronteira mobilizou apenas 16% da população
Rainha da Fronteira mobilizou apenas 16% da população
No Dia do Desafio, quem se mexeu foi a Seleção Brasileira, vencendo a Sérvia por dois a zero. Já os bajeenses, focados na torcida pelo time, não levaram a vitória na disputa com cidade cubana Pinar del Río na competição deste ano.

Segundo os dados oficiais, divulgados ontem, a Rainha da Fronteira mobilizou 19.721 participantes, cerca de 16% da população, contra 75.552 cubanos, totalizando 42% da população da cidade adversária na disputa.

Durante a data, o 23º Dia do Desafio mobilizou empresas, universidades, escolas e outras entidades. A proposta do Serviço Social do Comércio (Sesc) registrou a realização de minijogos de vôlei e futebol, parque de brinquedos infláveis, aulas de artes marciais e ginástica, pista de cordas para a travessia das crianças, além de caminhadas. Os acadêmicos de Educação Física da Urcamp também contribuíram com visitas às empresas, para orientação de exercícios.

Da região, o único município que venceu esta edição do desafio foi Hulha Negra, que mobilizou 39% da população contra 21% da cidade de Pedregal, na Venezuela. Já Candiota registrou apenas 7% de participação nas atividades, enquanto a cidade adversária de Ipiguá (SP), ganhou com larga vantagem, mobilizando 83%. Aceguá movimentou 25% da população contra os 44% da oponente, a cidade gaúcha de Paraí.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...