ANO: 25 | Nº: 6381
16/07/2018 Cidade

Banda do Imba celebra 60 anos com noite de concerto em Bagé

Foto: Antônio Rocha

Casal acompanhou apresentação, o primeiro concerto de suas vidas
Casal acompanhou apresentação, o primeiro concerto de suas vidas

No final de semana da programação de aniversário da Rainha da Fronteira, o Instituto Municipal de Belas Artes (Imba) ofereceu um presente de alto nível para os bajeenses: uma noite de música e emoção com a banda do local. A noite de sábado, além de celebrar os 207 anos da cidade, também marcou a celebração de 60 anos da banda.
O diretor do instituto, Flávio Dutra, recepcionou os bajeenses na Igreja do Crucificado, onde a apresentação foi realizada, em parceria com a Secretaria de Cultura de Bagé e a reverenda Ana Maria Esvael Lopes, que cedeu o espaço para a celebração.
Com repertório variado, iniciado pelos três hinos, do Brasil, do Rio Grande do Sul e de Bagé, a banda, composta por 30 integrantes, logo deu início à série de 11 canções, que incluiu clássicos do cinema, bossa nova e arranjos específicos para bandas, regidos por Lucas Barres.
Dutra comenta que, há algum tempo, a conhecida banda marcial ganhou um braço, exclusivamente para músicas de concerto. "Agora, temos banda para participar tanto de festivais como de concertos", destaca.
E a qualidade da sexagenária homenageada da noite vem sendo reconhecida nos últimos anos. Na porta de entrada da igreja foram colocados os troféus que a banda trouxe para casa nos últimos anos. "Nos últimos quatro anos, ficamos em primeiro lugar em todas as competições que participamos", orgulha-se o diretor, destacando que a banda é um dos carros-chefes da instituição. Além dos 30 componentes, incluindo músicos e estudantes de música, já conta com lista de espera de interessados em ingressar no grupo.
"Para mim, enquanto diretor, é uma grande satisfação poder participar desse momento da banda, porque eu próprio já fiz parte dela. Em 1973, quando era aluno de percussão da professora Neiva Martinez, eu assumi a caixa da banda", recorda. 
Entre o público que lotou a igreja, estava o casal Emanueli Brito e Michel Fernandes, que aguardava o início do primeiro concerto de suas vidas. "Não temos o hábito de frequentar estes eventos, mas ficamos sabendo deste e viemos. Acho que podemos considerar essa apresentação um presente de aniversário para Bagé", destaca Fernandes.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...