ANO: 25 | Nº: 6333
21/07/2018 Cidade

Programa Fronteira Sul reúne mais de 120 lideranças da região

Foto: Jéssica Pacheco/EspecialJM

Derly Fialho afirma:
Derly Fialho afirma: "se nós não fizermos, outros farão"
Na manhã de sexta-feira, o Sebrae deu continuidade, na Associação e Sindicato Rural de Bagé, às atividades do Programa Fronteira Sul, reunindo mais de 120 lideranças da região. Após as atividades desenvolvidas entre 2015 e 2017, o Programa Líder entra em uma fase de execução, traçando e realizando planos de ação e de desenvolvimento, a partir dos eixos estratégicos e das cadeias produtivas identificadas pelas regiões. Para administrar a fase de planejamento e implementação desses planos de ação, foi instituído um sistema de Governança orientado ao planejamento e à gestão concreta das políticas de desenvolvimento sobre o território Fronteira Sul.

O Encontro das Lideranças, sediado no Sindicato Rural, teve como pauta a necessidade de se trabalhar o desenvolvimento territorial, através dos eixos priorizados, assim como o status de implementação do Programa como um todo, destacando as principais ações realizadas no primeiro semestre, assim como as próximas no decorrer de 2018.

É necessário compartilhar uma visão de futuro. Pessoas inteligentes interligadas com a tecnologia, transformam o mundo. Para o presidente de Sebrae, Gedeão Pereira, “o nosso desafio é continuar transformando esta região para vermos o que mais podemos fazer e melhor podemos fazer para chegarmos evidentemente para ao desenvolvimento constante, pleno, continuado e sustentável. Esse é o desafio”. O diretor do Sebrae, Derly Fialho, ao mencionar que este é o terceiro ano do Programa, diz “se nós não fizermos, outros farão. E digo mais: quem não tem um plano para seguir e uma agenda para cumprir, faz só o que o mundo pede e não entrega quase nada de resultado”.

Dentre os tópicos pautados na reunião, foi abordada a viagem “missão internacional” da comitiva que esteve em Milão, na Itália, para a capacitação e benchmarking, que aconteceu entre os dias 25 e 29 de junho, com uma extensa agenda relatada diariamente. O relato ficou por conta do consultor italiano Emílio Beltrami, professor Artur Gibbon da FURG e professora Lia Quintana, reitora da Urcamp e presidente do Corede Campanha.

O primeiro encontro aconteceu na quinta-feira à tarde, no Campus Central da Urcamp, onde a Governança se reuniu entre os membros da Cabine de Direção. A segunda pauta do dia aconteceu, à noite, no Gabinete da Reitoria da Urcamp. O encontro foi entre a Governança do Programa Fronteira Sul e Centros de Pesquisa e Universidades da região, que formam o comitê científico do Programa. Vale ressaltar que o Comitê responde à exigência de envolver diretamente as universidades e centros no processo de desenvolvimento local. O encerramento foi na manhã de sexta-feira, com o Encontro das Lideranças. Algumas reflexões abordadas na reunião falaram sobre ‘a regra do mundo é a transformação’, ‘mudar é difícil, mas não mudar é fatal’, ‘o que muda as coisas é a ação’, e ‘é preciso ter coragem’.

Desenvolvimento Territorial

O Desenvolvimento Territorial é o aumento qualitativo das capacidades do território de agir, reagir, programar e resolver situações complexas. É um processo de cooperação e de mudança com foco no bem coletivo por meio de agentes locais que definem e alimentam uma estratégica única, visando a valorização dos recursos locais.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...