ANO: 26 | Nº: 6590
02/08/2018 Cidade

Subsídio do diesel será mantido até o final do ano

Foto: Tiago Rolim de Moura

Desconto está em vigor desde o início de junho
Desconto está em vigor desde o início de junho
O subsídio de R$ 0,46 garantido pelo governo federal para viabilizar encerramento da greve dos caminhoneiros, em maio, será mantido até o final do ano. A medida provisória foi publicada no dia 30 de maio, pela qual a Presidência da República se comprometeu em usar até R$ 9,5 bilhões do Tesouro Nacional para custear parte do combustível consumido.
Por dois meses, que se encerraram na terça-feira, a União pagou R$ 0,30 por litro a produtores e importadores para que mantivessem seus preços inalterados. Além disso, abriu mão de mais R$ 0,16 em impostos. Com essas duas iniciativas, chegou ao desconto de R$ 0,46 em cada litro de diesel comercializado por refinarias e importadores, na ponta da cadeia produtiva, que, até chegar aos postos, ainda inclui o segmento de distribuição.
A partir deste mês, o preço nas refinarias pode oscilar a cada 30 dias, tendo por base o valor do petróleo e do dólar. Entretanto, o desconto de R$ 0,46 por litro continuará sendo aplicado após esse cálculo. Desse modo, o preço do diesel poderá subir ou cair, mas o desconto permanece até o fim de 2018.
Para o proprietário do posto Elo Combustíveis, que atua com a bandeira da Shell, César Bolivar Dias Severo, o desconto no diesel é importante, mas não é o que movimenta o estabelecimento. Ele salienta que o valor da gasolina tem subido constantemente e, com a medida para o diesel, as empresas têm a segurança da manutenção do preço. Ele comenta que a empresa oferece uma vantagem para os clientes que têm cadastro, e isso torna mais competitivo. "Damos desconto para as pessoas, e isso faz com que aumente o movimento. O valor do diesel não estimula o consumo", afirma.
Por sua vez, o proprietário da rede de postos Balluarte, Flávio Stavie, disse que estava, como a população, na expectativa da decisão do governo. Para ele, a manutenção do subsídio é favorável. "Manteremos o preço, poque seguiremos comprando com o desconto", informa.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...