ANO: 25 | Nº: 6335
04/08/2018 Editorial

Reforço pontual, mas importante

Os crimes registrados no período mais recente, em Bagé, como os frequentes ataques à Escola Luiz Maria Ferraz, o Ciep, mencionados em reportagem publicada na edição de sexta-feira, do MINUANO, demonstram a necessidade de uma resposta imediata.
Pois parte desta resposta vem ocorrendo. Após serem anunciados, semana passada, quatro novos tenentes para atuarem na região, ontem, a novidade divulgada pelo comandante do 6º Regimento de Polícia Montada, tenente-coronel, Sérgio Alex Laydner Medina, foi a chegada de cinco sargentos.
Este reforço, por óbvio, deve permitir o desenvolvimento de novas ações de combate à criminalidade, sejam estratégicas ou mais ostensivas. Por outro lado, é preciso frisar que, dificilmente – ou infelizmente – ainda seja algo pontual.
Não resta dúvida que quem pratica delitos deixou de amedrontar-se por possíveis penas que tenha que arcar. As situações de roubos e furtos vêm se repetindo muito além do aceitável. Os órgãos de segurança, é preciso reconhecer, atuam conforme o possível. Mas é necessário aporte para que os resultados sejam mais efetivos.
Não basta apenas agentes capacitados, tampouco alguns novos veículos. É preciso, também, estruturas capazes de satisfazer as demandas atuais e, ainda, futuras. Não menos importante, já faz tempo que o sistema carcerário literalmente patina em evoluir. Por incrível que pareça, há mais candidatos que vagas nesta triste escola do crime.

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...