ANO: 24 | Nº: 6109
06/08/2018 Fogo cruzado

Lelinho desiste de disputar vaga na Câmara dos Deputados

Foto: Divulgação

Petista afirma que vai focar no mandato de vereador
Petista afirma que vai focar no mandato de vereador

O líder do PT no Legislativo bajeense, Lélio Lopes (Lelinho), abriu mão da candidatura à Câmara dos Deputados para concentrar atenção ao mandato de vereador. O parlamentar adianta que novo desafio pode ser assumido em 2020. “Antes de querer mudar Brasília, eu preciso mudar Bagé. Quero fazer mais pela minha cidade, permanecendo na Câmara de Vereadores. Optei por ser fiel aos votos que recebi e me colocaram para exercer o mandato com dignidade, sendo um dos vereadores mais votados da última eleição”, justificou.
Lelinho, que foi reeleito em 2016, afirma viver um bom momento na Câmara. “Bagé me conhece. Sou firme na luta. Fui eleito com o papel dado à mim para ser oposição. Desempenho este papel de forma propositiva e duramente fiscalizadora. O que temos pela frente é muita luta, muito trabalho para recuperar a autoestima de nossa gente e a esperança em um futuro melhor”, avalia.
O petista adianta que vai atuar na coordenação da campanha de Luiz Mainardi à Assembleia Legislativa. “Essa tarefa de coordenaçâo vai exigir de mim tempo integral e dedicação exclusiva. Como é de minha personalidade, farei isso com responsabilidade e fidelidade com a cidade e seus cidadãos. Retirei minha pré-candidatura, mas não me retirei da luta. Pelo contrário, me perfilo com meus companheiros e meus apoiadores numa luta maior”, disse, ao destacar que vai definir seu apoio a um deputado federal que tenha compromisso histórico com Bagé.
Lelinho adianta, ainda, que não descarta a possibilidade de colocar seu nome à disposição do PT para a disputa majoritária de 2020. “Entendo que ter posicionamento na vida é essencial para o crescimento profissional, político e pessoal do indivíduo”, destaca, ao reiterar que, embora tenha deixado a candidatura à Câmara dos Deputados, manterá a mobilização durante o processo eleitoral. “Agradeço a todos aqueles que me deram apoio até aqui, visando a pretensão que eu tenho, de ser deputado federal. A minha intenção agora é assumir um novo papel dentro desta disputa política”, reforça.
Antes do líder do PT, dois vereadores bajeenses já haviam desistido de candidaturas ao pleito de outubro: Rafael Rodrigues (Fuca), do PT, e Augusto Lara, do PDT.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...