ANO: 25 | Nº: 6359
11/08/2018 Cidade

Congrega Urcamp 2018 – educação e desenvolvimento regional

Foto: Jéssica Pacheco/EspecialJM

Professora Elisabeth Drumm é a coordenadora geral do Congrega
Professora Elisabeth Drumm é a coordenadora geral do Congrega
O maior evento científico da região da Campanha já tem data marcada e duas de suas categorias completam, em 2018, 15 anos de vida. O Congrega Urcamp, que, neste ano, traz como pensamento a educação e o desenvolvimento regional, é a oportunidade de acadêmicos, professores, alunos do Ensino Médio, outras universidades e comunidade em geral se reunirem e prol da pesquisa e da extensão. As inscrições para submissão de trabalhos estão abertas no site congrega.urcamp.edu.br e o evento acontece no campus Corujão e Central, em Bagé, entre os dias 22 e 26 de outubro.
Na perspectiva de ampliar os espaços de compartilhamento dos avanços do conhecimento, a realização anual do Congrega, evento científico e cultural, cumpre a função de reunir alunos da Educação Básica, da graduação e da pós-graduação e docentes envolvidos com a pesquisa, o ensino e a extensão, da Urcamp e de instituições de ensino e de institutos de pesquisa do Brasil e do exterior. O Congrega é formado por diferentes eventos, mas concentra espaço para o esforço de publicação de resultados de iniciação científica, de projetos de pesquisa e de ações comunitárias e de extensão. Assim, cumpre a função promover um encontro multidisciplinar de vários níveis de ensino e áreas do conhecimento.
Para a pró-reitora de Inovação, Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Urcamp, professora Elisabeth Drumm, que é a coordenadora geral do Congrega, a temática de 2018 vem ao encontro da realidade em que se vive hoje, mas, principalmente, ao que a instituição traz em seu caráter de comunitária. “Diante dos desafios e dos problemas da realidade em nível global, esse ano o Congrega propõem-se a refletir sobre a educação em um contexto regional. A Urcamp, enquanto instituição comunitária, traz em sua base o desenvolvimento e, portando, o seu papel transformador e a necessidade de se atualizar em relação ao ensino, pesquisa e extensão. Pois, mesmo diante de um cenário onde a pesquisa está em debate, a Urcamp entende que é por meio da iniciação científica e da pesquisa que é possível avançar o conhecimento e dar conta dos problemas da realidade social. Afinal, para além da sala de aula, é preciso olhar pela janela e sair ao encontro da realidade social.”, declara.
Neste ano, o Congrega Urcamp elege a dimensão pedagógica do conhecimento como fonte e objetivo. O tema de 2018 é Educação e Desenvolvimento Regional, trazendo referência à importância dos agentes de transformação e inovação na relação com o crescimento econômico, social e cultural das regiões onde a Urcamp mantém ações de interação comunitária. O evento foi criado para estabelecer vínculos fortes entre a prática do magistério superior e a produção de conhecimento novo. Esse objetivo é cumprido na integração de duas dimensões do trabalho universitário da universidade: a primeira é a aproximação de suas unidades nas cidades da região da Campanha e Fronteira Oeste; a segunda, reunir as diversas áreas de conhecimento em um único evento. O resultado desse movimento foi a geração de um dos maiores encontros acadêmicos da Metade Sul do Rio Grande do Sul.
Ao longo dos últimos 15 anos, o Congrega Urcamp transformou-se em uma das mais eficientes formas de atrair a atenção de profissionais, professores e estudantes (que vêm de diversas localidades e instituições). No Congrega, eles compartilham os principais desafios enfrentados pelas administrações municipais, setores produtivos e tecnológicos das regiões atendidas. É a partir de suas propostas de investigar os problemas e apresentar as soluções possíveis que sua presença destacou a atividade universitária como essencial opção de desenvolvimento. Ao destacar a Educação como motor de crescimento econômico, o Congrega e a Urcamp estão, na verdade, incluindo abordagens sociais, ambientais e culturais aos grandes dilemas do desenvolvimento econômico e tecnológico regional.
O Congrega traz as seguintes atividades: 15ª Jornada de Pós-graduação e Pesquisa; 15ª Mostra de Iniciação Científica; 13ª Mostra de Projetos Comunitários e de Extensão; 13ª Mostra de Iniciação Científica Jr; 2ª Mostra de Trabalhos de Conclusão de Curso; Minicurso e 6ª Feira das Profissões. Para falar sobre cada uma destas categorias, abriremos uma série de reportagens, trazendo, a cada dia, o Coordenador responsável para falar sobre a sua atividade. Nesta segunda-feira, o assunto será a 15ª Jornada de Pós-graduação e Pesquisa.

Comissões
Coordenação Congrega: Elisabeth Cristina Drumm
Coordenação Feira das Profissões: Virgínia Dreux
Coordenação Acadêmica: Súsi Barcelos e Lima
Coordenação de infraestrutura: Isabel Leaes
Coordenação de Comunicação, Marketing e Cerimoniais: Melissa Porto
Coordenação Financeira: Sebastião Kaé
Coordenação ATI: Alexander Mendonça, Fernando Fagonde
Prospecção e patrocínio: Glauber Pereira

Coordenação das atividades
Mostra de Iniciação Científica: Cristiano Pinto dos Santos
Mostra de Iniciação Científica Jr: Rita Luciana Saraiva Jorge, Mariana Brasil Vidal, Vera Maria da Fonseca Ramos
Jornada de Pós-graduação e Pesquisa: Clarisse Ismério, Daniela Giffoni Marques,Fábio Josende Paz, Luciane Nunes Pereira Suñé, Sílvia Helena Soares Oliveira, Rafael Bueno Moreira
Mostra de TCC: Vera Maria de Souza Bortolini, Guilherme Cassão Marques Bragança e Eliane Soares Tavares.
Projetos Comunitários e de Extensão: Lize Cappelari, Ângela Susana Jagmin Carretta, Maria do Carmo da Silva
Minicursos: Cléia Siqueira, Carlos Bellinaso, Derli João Siqueira da Silva, Maria Elaine Leon, Patrícia Salla, Ana Cláudia Couto
Secretaria Geral do Congrega: Cláudia Ferreira

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...