ANO: 25 | Nº: 6208
15/08/2018 Fogo cruzado

Legislação estabelece limite de gastos para candidatos

Os postulantes às cadeiras do parlamento gaúcho não poderão gastar mais do que R$ 1 milhão nas campanhas eleitorais que iniciam amanhã. O teto estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determina que os candidatos à Câmara dos Deputados poderão gastar R$ 2,5 milhões.
A campanha eleitoral de cada candidato também deverá seguir legislação específica sobre limites quantitativos para a contratação direta ou terceirizada de pessoal para a prestação de serviços referentes a atividades de militância e mobilização de rua.
No Rio Grande do Sul, os candidatos ao Palácio Piratini poderão contratar 2.742 pessoas. Os candidatos à Câmara dos Deputados poderão contratar 960, enquanto os postulantes à Assembleia Legislativa poderão contratar até 480.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...