ANO: 25 | Nº: 6231
23/08/2018 Cidade

Ibama concede Licença de Operação para linha de transmissão da Pampa Sul

Foto: Fábio Campos / Especial JM

Ao todo, 51 torres de sustentação estão distribuídas em 20,4 quilômetros
Ao todo, 51 torres de sustentação estão distribuídas em 20,4 quilômetros

No dia 1º de agosto, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) concedeu a Licença de Operação (LO) para a Linha de Transmissão de energia da UTE Pampa Sul (Miroel Wolowski) por um prazo de dez anos. O documento consiste na permissão para que a linha transmita a energia gerada pela usina, quando ela estiver em operação.

Conforme o gerente socioambiental da UTE Pampa Sul, Hugo Roger Stamm, o início da operação comercial da Linha de Transmissão dependerá do início da geração de energia pela usina. Ele salienta que a solicitação e liberação da LO, neste momento, ocorre em função da obra da Linha de Transmissão estar concluída. "É o processo sequencial de licenciamento, onde são apresentados os resultados obtidos durante o atendimento das condicionantes do órgão ambiental fiscalizador para a etapa de implantação, e foi requerida a LO da Linha de Transmissão", ressalta.

Segundo Stamm, a Linha de Transmissão da UTE Pampa Sul (Miroel Wolowski) está localizada entre a Subestação Candiota I (na Vila Residencial em Candiota) e a UTE Pampa Sul (Miroel Wolowski). Ela possui 20,4 quilômetros de extensão, 51 torres de sustentação e duas subestações (uma localizada junto à Subestação Candiota I e a outra junto à usina). "Ela consiste em um sistema de transmissão de circuito simples com tensão de 525 quilowatts e, quando a UTE Pampa Sul (Miroel Wolowski) estiver concluída e gerando energia, será a responsável por exportar a energia para o Sistema Interligado Nacional (SIN)", destaca.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...