ANO: 25 | Nº: 6404
03/09/2018 Esportes

Bajeense é contratada pelo UFC após vitória no Contender Series Brasil

Na segundo episódio do programa Contender Series Brasil, exibido pelo canal Combate e pela Rede Globo, durante o final de semana, a bajeense Marina Rodriguez venceu Maria Oliveira, por nocaute técnico, garantindo um contrato com o UFC (Ultimate Fighting Championship, organização de MMA que produz eventos ao redor de todo o mundo).
O programa exibido pelo Canal Combate foi produzido em Las Vegas, nos Estados Unidos. Marina confirmou as expectativas ao demonstrar agressividade através de seu muay thai apurado. A lutadora de Bagé superou a adversária aos 3m03s do primeiro round. O desempenho de Marina rendeu elogios do presidente do UFC, Dana White, que interrompeu a entrevista da atleta para dar os parabéns para a peso-palha.
Marina foi mais precisa nos golpes e, também, mais contundente. Reportagem do SporTV destaca que, quando Maria a chutou, Marina Rodriguez mapeou o tempo e a derrubou. Marina mantinha a cabeça de Maria colada ao solo, enquanto conectava joelhadas na barriga. “Maria tentava travar a luta para que o árbitro recomeçasse o embate de pé - em vão. Quando Maria Oliveira se levantou, ela foi clinchada e recebeu duas joelhadas - a luta voltou a transcorrer em pé, no centro do cage”.
Ainda conforma a reportagem  do SporTV, com um muay thai agressivo, Marina Rodriguez colocou Maria em perigo ao acertá-la com joelhadas e cotoveladas e combinando socos e um superman punch. Maria sentiu a pressão e, mesmo de pé, fez sinal de fim de luta, obrigando o árbitro a encerrar o confronto, para lamento de seu mestre, Giliard Paraná.

Próximo desafio
De acordo com Marina, que comemorou muito o resultado, a luta no Cotender Brasil aconteceu exatamente como planejado. "Meu mestre Márcio Malko planejou tudo e executamos nesses três meses de treinos intensos para chegar lá e surpreender a todos, e, claro, sair com o contrato com o UFC", ressaltou.
A bajeense salienta que, agora, o próximo compromisso é no UFC São Paulo, no dia 22 setembro. "Estamos confiantes, pois não paramos de treinar. Já sabíamos que poderiam nos chamar para esse evento. Continuamos treinando em Florianópolis, onde moro há mais de 10 anos, junto a nossa equipe, Thai Brasil", finaliza a nova lutadora do UFC.

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...