ANO: 25 | Nº: 6458
07/09/2018 Cidade

Stadtbus projeta implantação de biometria facial e acessibilidade em toda a frota de veículos

Foto: Tiago Rolim de Moura

Após a renovação da concessão para a prestação de serviços de transporte coletivo em Bagé, a Stadtbus já projeta as melhorias mencionadas em contrato. Entre as novidades, estão a implantação da biometria facial, um aplicativo de mobilidade urbana, assim como a renovação da frota. Esses benefícios, segundo informado à reportagem do MINUANO, estão previstos no plano de melhorias apresentado pela empresa ao poder Executivo.
A empresa renovou o contrato de concessão após apresentar todos os documentos comprobatórios de regularidade jurídica, fiscal e técnica, solicitados pelo município. De acordo com o gerente da Stadtbus em Bagé, Alexandre Solari, a intenção é modernizar o sistema. Ele explica que o reconhecimento biométrico facial vai ser fixado na catraca dos veículos e dos terminais. Ou seja, auxiliará a identificar se o usuário do Bilhete Único é o titular do cartão, prevenindo possíveis casos de fraude. “Além disso auxilia na segurança dos usuários”, sustenta.
Segundo Solari, a empresa tem seis meses para colocar em prática todas as melhorias, que inclui veículos equipados com GPS, pelo qual os usuários poderão acompanhar o trajeto do ônibus, além do QR Code - que será implantado nos abrigos. Com o código, os usuários terão informações das linhas e dos horários disponíveis no celular, a qualquer hora do dia. “O aplicativo e o código darão a previsão de chegada do veículo na parada e a melhor linha para cada local ”, informa.
O gerente enfatiza que já estão sendo mapeadas as linhas e paradas e em breve a empresa começará a troca da bilhetagem eletrônica pela biometria facial. “Acreditamos que, em 30 dias, o novo sistema já esteja implantado”, projeta.

Mudanças

Conforme o gerente, os funcionários da empresa irão receber treinamento e cursos de qualificação para o atendimento ao usuário, direção defensiva e primeiros socorros. A empresa também está realizando reuniões com líderes comunitários em busca de sugestões e melhorias para os usuários.
Solari ressalta que, atualmente, a empresa conta com 32 veículos na frota e 60% deles contam com rampa para cadeirantes. Com a renovação, todos os veículos terão acessibilidade. “A idade máxima dos ônibus é de 10 anos e a média é de cinco anos”, relata.

Linhas
Na Rainha da Fronteira, a Stadtbus opera um total de 12 linhas, sendo uma especial e outras duas rurais. Os itinerários englobam os trechos Malafaia/Damé, União, Industrial, Camilo Gomes, Pedra Branca, Floresta, Stand/São Pedro, Passo das Pedras, Norte/Sul, Urcamp, Olhos d'água e Pedra Grande. 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...