ANO: 26 | Nº: 6587
10/09/2018 Fogo cruzado

Promotoria apura irregularidades na contratação de oficinas da Prefeitura de Bagé

A Promotoria de Justiça Especializada de Bagé instaurou inquérito civil para apurar possíveis irregularidades na contratação de oficinas mecânicas e nas despesas em manutenção de veículos, máquinas e equipamentos pesados da prefeitura. A instauração, formalizada em 2016, foi informada ao Legislativo por meio de expediente que confirma o arquivamento de outra representação para tratar sobre o mesmo tema. Denúncias também mobilizam vereadores.
A Câmara criou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as irregularidades que teriam ocorrido durante a gestão do ex-prefeito Dudu Colombo, do PT. A CPI iniciou na legislatura anterior, encerrando sem apresentação do relatório final. Em maio do ano passado, novo requerimento foi assinado por todos os vereadores – incluindo os parlamentares do PT. Quando os trabalhos iniciaram, os petistas, porém, abriram mão da vaga correspondente ao partido.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...