ANO: 25 | Nº: 6386

Observatório da Mídia

27/09/2018 Observatório da Mídia (Opinião)

A adaptação dos veículos de comunicação na Internet

Foto: Marcelo Rodriguez Barboza/ Especial JM

Por Larissa Macedo Lopes
Estudante do 6º Semestre de Jornalismo da Urcamp

O surgimento da internet resultou no aparecimento de novos leitores. A leitura que, até então, era realizada apenas no papel, passou a ser transportada para a tela do computador ou celular. Chegamos ao momento em que os dispositivos e as mídias digitais já são considerados indispensáveis, estão por toda a parte. É a chamada era pós-digital.
Os avanços tecnológicos permitiram a chegada de dispositivos extremamente potentes e portáteis. As informações são repassadas mais rapidamente. Isso levou a migração dos jornais impressos para a internet. Segundo uma pesquisa realizada pela Kantar Ibope Media, os jornais brasileiros registraram uma queda de 9,5% no seu faturamento em 2016, um exemplo emblemático disso é o jornal impresso Folha de São Paulo, que, no início dos anos 1990, apresentava uma tiragem aos domingos de 1 milhão de exemplares. Hoje, quase trinta anos depois, a tiragem é pouco mais de 300 mil exemplares, sendo mais da metade assinantes digitais – uma queda de 85%.
Apesar do avanço da internet e dos veículos de comunicação, o papel impresso ainda tem grande peso de autoridade junto a determinados públicos, o que levou as grandes empresas a mesclarem as duas plataformas. O jornal Estadão é um exemplo disso, que, ao invés de migrar totalmente para a internet, resolveu investir na sobreposição de mídias tradicionais e digitais. Nesse modelo, ele mantém o formato clássico (impresso) e inova, levando as informações para os internautas através de stories no Instagram, reportagens e matérias com vídeo, áudio e foto no seu site e Facebook. Com a televisão aconteceu algo parecido. Canais como Esporte Interativo e Sport TV utilizam dessas plataformas digitais para interagir com os internautas, sendo uma forma de aproximar os programas com quem os assiste em tempo real.
O rádio é outro exemplo de veículo de comunicação que se rendeu à plataforma digital. Em 2017, a Rádio Gaúcha lançou seu primeiro site em parceria com o Jornal Zero Hora, onde informa, diariamente, através de matérias escritas e áudios, as notícias mais relevantes do dia. Uma parceria que tem tudo para dar certo.
A internet se tornou uma aliada destes veículos que estão se rendendo a este meio para não perder seu espaço no mercado. Mas seja na TV, jornal impresso, rádio ou internet, o importante é manter os leitores atualizados com notícias de qualidade e bem produzidas, não os deixando compartilhar as chamadas fake news. 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...