ANO: 25 | Nº: 6278
28/09/2018 Cidade

Com projeção de R$ 429 milhões de receita, orçamento da prefeitura chega ao Legislativo

Foto: Rodrigo Sarasol

Prefeito em exercício, Machado entregou projetos ao vice-presidente da Câmara, Antenor Teixeira
Prefeito em exercício, Machado entregou projetos ao vice-presidente da Câmara, Antenor Teixeira
O vice-presidente da Câmara Municipal de Bagé, Antenor Teixeira, recebeu, durante a sessão ordinária de ontem, do prefeito em exercício, Manoel Machado, o projeto do Executivo que estabelece a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2019.
Machado destacou ser uma satisfação entregar os planos em prazo hábil, com uma semana de antecedência. "É muito gratificante para o governo ter concluído esse trabalho, oferecendo tranquilidade aos vereadores que, certamente, vão fazer a análise e discussão. Esperamos aprovação nas nossas leis", considera, informando que o orçamento para 2019 é de R$ 429 milhões, dos quais mais de R$ 70 milhões devem ser utilizados para investimentos e o restante para o custeio da máquina pública. Vale lembrar que, para este ano, a arrecadação projetada foi de pouco mais de R$ 395 milhões.

Teixeira agradeceu pela entrega das leis com prazo antecipado, segundo ele, porque permitirá uma análise com mais tranquilidade por parte dos vereadores. "Passaremos a LDO e LOA para a apreciação da Comissão de Finanças e Orçamentos, onde os parlamentares devem analisar e discutir os projetos. Temos a responsabilidade e a necessidade de termos um bom orçamento para 2019", informou.

Ainda durante a sessão, onde também estavam presentes o chefe do gabinete do prefeito, Clementino Molina, e a contadora geral do município, Sayonara Goulart Morrudo, o prefeito em exercício agradeceu toda equipe do Executivo e destacou que o orçamento deste ano foi muito bem elaborado, por uma técnica muito eficiente. "Esse projeto é a base para o funcionamento da administração municipal para o próximo ano", enfatizou.

Machado finalizou o ato reconhecendo o respeito e consideração do poder Legislativo, ressaltando que se percebe a harmonia entre os poderes do município e aproveitou para salientar o trabalho da oposição, que mesmo dentro de seus objetivos, também dedicam respeito ao Executivo.

O vice-presidente do Legislativo adiantou que, a partir desta sexta-feira, os projetos já estarão disponíveis no site da Câmara de Vereadores. A LDO fixa as metas prioritárias para o ano seguinte e estabelece os parâmetros a serem seguidos na elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA), que deverá ser analisada e votada pelos parlamentares até o dia 30 de novembro.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...