ANO: 25 | Nº: 6284
12/10/2018 Cidade

Atividades do setor primário são apresentadas a alunos da rede municipal durante Expoaula

Foto: Tiago Rolim de Moura

Ciclo de beneficiamento da lã foi exposto aos estudantes
Ciclo de beneficiamento da lã foi exposto aos estudantes
A realidade do homem do campo e o impacto do trabalho do produtor rural na cidade foram os temas da quinta Expoaula, ministrada na manhã de ontem, durante a programação da 106ª Expofeira. A atividade é uma promoção da Sindicato e Associação Rural de Bagé junto aos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária da Urcamp.

A coordenadora do projeto, Eliana Valente Silveira, explica que o grupo de 60 pessoas, composto por alunos e professores da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Miranda, foi recepcionado às 8h30min, no salão nobre do Sindicato no Parque Visconde de Ribeiro Magalhães. Ali, participaram da exibição de um vídeo institucional sobre a história centenária da entidade e do audiovisual documental Planeta Faminto. Em seguida, os estudantes participaram de um café da manhã temático, onde foi servido arroz com leite utilizando produtos produzidos regionalmente.

Os alunos também conheceram o trabalho da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos, Emater, Embrapa e empresas de maquinário agrícola, além dos animais em exposição, como aves e gado de corte. Durante o passeio, os visitantes foram orientados pelos profissionais de cada entidade, além de professores e acadêmicos da Urcamp. Os alunos encerraram a visita na minifazenda, projeto do Piquete Pistoleiros do Candal, que pertence ao 25º Grupo de Artilharia de Campanha.

"Abrimos essa aula como uma oportunidade para que os jovens, que estão na cidade e não percebem a importância do campo e produção rural conheçam esse trabalho. A cidade não vive sem o campo", destaca Eliana, que acompanhou os estudantes do 6º, 7º, 8º e 9º anos.

Pela primeira vez participando do projeto, a supervisora da escola Professor Miranda, Geisel Collares, destaca que esse tipo de atividade é importante para ensinar como funciona a produção primária e, assim, valorizar o produtor rural. Ela promete que o assunto será levado para sala de aula de forma multidisciplinar. "É um tema muito amplo que pode ser trabalhado dentro de todas as disciplinas, com abrangência específica para cada matéria", destaca.

As atividades em parceria entre Urcamp e Rural seguem, sexta-feira, durante a celebração do dia do Agrônomo, quando serão distribuídas mudas de acácia, eucalipto, hortaliças e sementes para as pessoas que responderem algumas perguntas feitas por acadêmicos do curso de Jornalismo da Urcamp, responsáveis pela rádio da feira.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...