ANO: 25 | Nº: 6354
15/10/2018 Campo e Negócios

Remate Evolução registra média de R$ 7,7 mil por touro

Foto: Tiago Rolim de Moura

Faturamento foi de R$ 190 mil
Faturamento foi de R$ 190 mil
O Remate Evolução, organizado pelo Núcleo Regional de Criadores de Aberdeen Angus, dentro da programação da Expofeira de Bagé, registrou médias de R$ 7,7 mil por exemplar. Realizado no sábado, com julgamento prévio dos animais e com o assado de uma vaquilhona inteira antes da ida à pista, o evento atingiu seus objetivos, conforme a organização.
De acordo com Fernando Cardoso, membro do núcleo, a estreia na agenda foi marcado por números dentro da realidade do mercado. "A média foi de R$ 7,7 mil. Poderia ser melhor, em função da qualidade apresentada. A gente não vendeu tudo, dentro de 70% do ofertado", detalhou ao avaliar o evento: "O destaque foi a qualidade do início ao fim, dos animais. A gente semeou um trabalho para se consolidar para daqui para frente".
O remate Evolução expôs, ao público, 50 touros com genética de ponta, de cinco diferentes criatórios da Campanha gaúcha: as propriedades Fazenda Sinuelo e Estância Formosa (de Aceguá), Cabanha Lagoa Preta e Fazenda da Barragem (de Dom Pedrito) e Cabanha Ouro Preto (de Pedras Altas). O faturamento foi de R$ 190 mil.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...