ANO: 24 | Nº: 8084
09/11/2018 Cidade

Prefeitura de Candiota lança edital para conclusão da ETA da Vila Operária

Foto: Divulgação

Estação de tratamento está 80% concluída
Estação de tratamento está 80% concluída
A Estação de Tratamento de Água (Eta) da Vila Operária, em Candiota, obra que estava parada desde 2016, será retomada pelo município. A prefeitura lançou, ontem, o edital de licitação que ocorrerá no dia 23 de novembro, às 10h. A obra, que está 80% concluída, irá beneficiar cerca de 1,2 mil pessoas na Vila Operária, São Simão, João Emílio e Seival.
De acordo com o prefeito de Candiota, Adriano Castro dos Santos, do PT, a obra precisou ser readequada devido à redução do quadro técnico da Fundação Nacional da Saúde (Funasa), financiadora do projeto. Por conta da burocracia, as parcelas do recurso tiveram atraso, o que inviabilizou a obra com a construtora inicialmente contratada.
Santos explica que a equipe da Secretaria Municipal de Obras adaptou o projeto, que já foi novamente aprovado pela Funasa, e, após realizar a rescisão do contrato com a primeira construtora, foi lançado o novo edital de licitação, para a contratação de uma nova empresa e dar continuidade no empreendimento.
O projeto possui um sistema moderno, com laboratório e leito de secagem de resíduo, que contribui para a redução do volume de lodo da estação. A ETA, que tem capacidade de 530 mil litros, deverá ser concluída em seis meses. O valor do empreendimento é de R$ 2,1 milhões nas duas etapas.
O prefeito ressalta que o município está trabalhando para que tudo seja resolvido. “Queremos muito solucionar os problemas, mas infelizmente enfrentamos toda essa burocracia”, comenta. A ETA é oriunda do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), contando com recurso da Funasa e contrapartida da prefeitura.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...