ANO: 26 | Nº: 6528
22/11/2018 Cidade

Alunos da Escola Martinho Saraiva ficam sem aula por infestação de pulgas

Foto: Tiago Rolim de Moura

Salas estão vazias e cheiro do inseticida não permite a permanência
Salas estão vazias e cheiro do inseticida não permite a permanência

A Escola Estadual de Ensino Fundamental Martinho Saraiva, localizada na Vila Industrial, em Bagé, não sedia aulas desde a semana passada em virtude de uma infestação de pulgas que impossibilitou o acesso às salas e arredores da instituição. O problema iniciou dia 10 de novembro. Desde então, a direção luta para combater o parasita. Já foram realizadas, segundo informado ao Jornal MINUANO, cinco dedetizações e, mesmo assim, o problema persiste.

De acordo com a vice-diretora da escola, Margaret Hoffman, ontem, a direção, funcionários e alunos chegaram para as atividades e já na entrada do prédio, que tem grama e areia, os sapatos ficaram infestados do parasita. "Tivemos que liberar os alunos", conta. Margaret informa que a escola conta com 100 alunos e a direção conseguiu um espaço na comunidade para manter a realização das aulas.

A vice-diretora comenta que, anualmente, é realizada a dedetização, mas existem muitos animais soltos na via e, por isso, é necessário realizar uma ação em todo o bairro para combater as pulgas. "Já procuramos a prefeitura solicitando a atividade, mas ainda não foi marcada uma data", comenta.

Segundo Margaret, este ano, a infestação foi atípica e está difícil de combater. Ela conta que, a cada aplicação do produto, é necessário realizar uma limpeza geral na escola. A igreja, que também pertence à instituição de ensino, também deverá ser dedetizada nos próximos dias.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...