ANO: 25 | Nº: 6378
22/11/2018 Segurança

Cartório de crimes ambientais da Polícia Civil flagra clínica veterinária com irregularidades

Foto: Divulgação

O Cartório de Crimes Ambientais da Polícia Civil, localizado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), em parceria com a Vigilância Sanitária, deflagrou, ontem, uma operação para combater maus-tratos de animais, assim como o comércio clandestino de espécies. A ação foi coordenada pela delegada titular da DPPA, Daniela Barbosa de Borba.

Segundo a policial civil do cartório, Patrícia Coradini, a ação culminou com um flagrante em uma clínica veterinária da cidade, onde, segundo informado, havia diversos animais sofrendo maus-tratos, com ração mofada e fora do prazo de validade e alguns doentes. "Antes de comprar um animal, de hospedar um animal ou de levar um animal para tratamento, veja bem a situação dos locais onde vocês estão levando. O que vimos foi assustador, falta de higiene, maus-tratos e negligência com cuidados", conta.

Patrícia destacou que as pessoas devem ter cuidado ao ir até clínicas. "Pedimos que a comunidade colabore nesta ação, denunciando a venda clandestina de animais de lugares que maltratam ou vendam animais doentes", completa.

A policial civil também salienta que as ações do Cartório de Crimes Ambientais são motivadas por denúncias. "Eu peço que fiscalizem junto, denunciem. Sempre iremos averiguar essas situações (...), principalmente nesta época do ano, em que os tutores saem para viajar e buscam um lugar para deixar seus amigos pets", conclui.

A DPPA fica na avenida Barão do Triunfo, número 1572. O telefone para contato é o (53) 3242-9000.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...