ANO: 25 | Nº: 6402
12/12/2018 Fogo cruzado

Frei Sérgio Görgen recebe Prêmio João Canuto

Foto: Divulgação

Premiação foi entregue na segunda-feira, em cerimônia no Rio de Janeiro
Premiação foi entregue na segunda-feira, em cerimônia no Rio de Janeiro
O Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), através do frei Sérgio Görgen, que atua em Hulha Negra, recebeu o Prêmio João Canuto 2018, em cerimônia organizada pelo Movimento Humanos Direitos (MHuD), no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro, na segunda-feira, 10 - data que marcou os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.
A premiação, além de homenagear movimentos sociais e personalidades que se destacaram na defesa dos Direitos Humanos, prestou homenagem póstuma à vereadora do Rio de Janeiro, e ativista social, Marielle Franco, assassinada em março; e ao Museu Nacional, destruído em um incêndio, em setembro.
O prêmio foi batizado como João Canuto em alusão ao dirigente sindical do Pará, morto em 1985, ao defender os trabalhadores rurais que lutavam pela reforma agrária. Ao longo dos 15 anos de existência do Movimento Humanos Direitos, foram homenageadas dezenas de pessoas e instituições de diversas áreas que se destacaram na defesa da dignidade das pessoas.
Em seu discurso de agradecimento, frei Sérgio recordou a mobilização de camponeses, destacando que sempre foram os primeiros a serem perseguidos e silenciados em todos os golpes de Estado.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...