ANO: 25 | Nº: 6282
15/12/2018 Cidade

Comitê de gerenciamento do Rio Camaquã realiza eleições de diretoria na próxima semana

Foto: Divulgação

Abrangendo uma área de cerca de 21.657 km², rio banha 28 municípios
Abrangendo uma área de cerca de 21.657 km², rio banha 28 municípios
O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Camaquã realiza as eleições da nova diretoria na sexta-feira, 21 de novembro. A votação acontece às 13h30min, no Sindicato Rural de São Lourenço do Sul, e definirá presidente, vice-presidente e secretário executivo do órgão, na gestão 2018/2020.
De acordo com o atual secretário executivo do Comitê, Rogério Silva, na oportunidade, serão empossados os integrantes da nova gestão do órgão, incluindo o vereador Antenor Teixeira, representando a Câmara de Vereadores de Bagé e Aloísio Anselmo Garcia, representante da Associação para o Desenvolvimento Sustentável do Alto Camaquã (Adac).
Silva destaca que esses, por serem titulares, terão direito a voto no pleito. No entanto, salienta que a Rainha da Fronteira também conta com representantes suplentes que poderão participar da eleição, em caso de não comparecimento de alguma entidade em sua categoria.
Entre as entidades suplentes, estão a Urcamp (Instituições de Ensino Superior ou Técnico, Pesquisa Científica ou Extensão), a Associação para Grandeza e União de Palmas (Agrupa) (Organizações Ambientalistas e Associações Comunitárias) e a Associação Pampa Gaúcho de Turismo – Apatur (Lazer e turismo).

Colegiado
O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Camaquã é um órgão colegiado com atribuições normativas e deliberativas, instituído oficialmente pelo governo do Estado, com base na lei estadual 10.350/94.
Formado por 45 entidades com atuação, há pelo menos um ano, na Bacia Hidrográfica do Rio Camaquã, o órgão é constituído por representantes do governo, da sociedade e de usuários das águas públicos e privados. Considerados como "parlamentos das águas", sua função é discutir e deliberar sobre os assuntos de interesse comum aos diversos usuários da água de uma bacia hidrográfica.
O grupo de representantes dos usuários da água é dividido entre as categorias: abastecimento público; esgotamento sanitário; resíduos sólidos; drenagem; produção rural; lazer e turismo; indústria e mineração.
Já o grupo dos representantes da população da bacia conta com as categorias: Legislativos (estadual e municipal); associações comunitárias; clubes de serviços comunitários; instituições de Ensino Superior ou técnico, pesquisa científica ou extensão; organizações ambientais, associações de profissionais, organizações sindicais e comunicação.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...