ANO: 26 | Nº: 6526
21/12/2018 Cidade

Imperial Café da Urcamp entrega doação à Casa da Menina

Foto: Jéssica Pacheco/EspecialJM

Aline Silveira, Lia Quintana e Cassiane Cunha
Aline Silveira, Lia Quintana e Cassiane Cunha
O Natal chegou mais cedo para as moradoras da Casa da Menina, mantida pela Fundação Attila Taborda – FAT/Urcamp. Na tarde de quarta-feira, 19, a Imperial Café, situada do Campus Central, fez a entrega de R$ 452,50, arrecadados ao longo do segundo semestre. Essa é a terceira etapa de uma campanha lançada pelos proprietários, Josias Borges e Cassiane Cunha, cujo foco é envolver os acadêmicos com doações.

De acordo com Borges, a ação "Caixinha da Casa da Menina" iniciou quando a erva-mate Taquapy cedeu um reservatório de água quente. Com a circulação de acadêmicos nos três turnos da Urcamp, Borges e Cassiane decidiram que a distribuição da água seria gratuita e de cunho social. "Em contrapartida, sugerimos, desde o primeiro dia, que o aluno da Urcamp não precisava pagar para que colocássemos água em sua térmica, mas que, se ele pudesse, doasse moedas na caixinha destinada à Casa da Menina", explica.
A primeira arrecadação foi revertida em sorvetes, no Natal de 2017, quando a campanha completava três anos. "Na época, queríamos presenteá-las de alguma forma. Dar atenção para as crianças e adolescentes. E essa foi a maneira que encontramos de fugir do habitual e mudar, pelo menos por um dia, a rotina das moradoras que estão lá por terem passado por situações de vulnerabilidade social", menciona Cassiane que, quando questionada sobre o sentimento de poder ajudar a Casa da Menina, encheu os olhos de lágrimas e, emocionada, concluiu dizendo que não poderia seguir falando. "Não me pergunta, pois me engasgo e começo a chorar. Nós temos uma filha pequena e sei o amor que dedicamos a ela enquanto as meninas da Casa viveram realidades diferentes e distantes", completou.
Em 2018, a campanha continuou e a segunda arrecadação, no valor de R$ 252,50, foi entregue em dinheiro, no dia do jantar de celebração alusiva aos 20 anos da Casa da Menina, no mês de julho. O engajamento dos acadêmicos e do casal, no segundo semestre, foi ainda mais notável, conquistando um montante que quase dobrou.
Para a reitora da Urcamp e presidente da Fundação Attila Taborda, professora Lia Maria Herzer Quintana, a ação transforma-se em orgulho. "Essa caixinha é mérito da Imperial e de nossos estudantes, que diariamente colaboram com a Casa da Menina. É por isso que quero deixar meu agradecimento a cada aluno da nossa Instituição, que doa e que faz a diferença enquanto ser humano. Muito obrigada, de coração", explanou Lia Quintana.
Lia, juntamente à diretora da Casa da Menina e coordenadora do curso de Psicologia, professora Aline Silveira, recebeu o montante e já destinou o valor arrecadado pela Imperial Café para contemplar a campanha Construindo com Amor, que tem por objetivo reestruturar a parte interna da instituição, reformando quartos, sala de convivência e banheiro.
A meta de Borges e Cassiane, para o ano de 2019, é alcançar uma doação de R$ 1.000,00. "Todo mundo colabora! Nós temos as moedinhas, mas também aqueles que, quando sabem para quem vai o dinheiro, doam notas de R$ 20, por exemplo. Se trabalharmos mais essa questão, com certeza a meta será alcançada, afinal as meninas merecem", concluiu o empresário.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...