ANO: 25 | Nº: 6280
12/01/2019 Fogo cruzado

Lei estabelece mês de combate a hepatites virais

Legislação sancionada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, do PSL, institui o Julho Amarelo para combate às hepatites virais. A redação foi proposta pelo deputado Marcos Reategui, do PSD, do Amapá. Bagé estabeleceu o mês através de lei municipal, sancionada em 2015.
A hepatite é uma inflamação do fígado, que pode ser causada por vírus ou pelo uso de remédios, álcool e outras drogas, assim como por doenças autoimunes, metabólicas e genéticas. O Ministério da Saúde alerta que as hepatites virais são doenças silenciosas, que nem sempre apresentam sintomas. Quando aparecem, podem causar cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras.
No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Existem ainda os vírus D e E, sendo que o último é mais frequente na África e na Ásia. Milhões de pessoas no Brasil, segundo a pasta, são portadoras do vírus B ou C e não sabem. A campanha de combate agora deve ser realizada anualmente em todo o território nacional.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...