ANO: 25 | Nº: 6378
23/01/2019 Fogo cruzado

Verba do Carnaval será revertida para ações de combate a alagamentos

Foto: Divulgação

Prefeitura decretou emergência por conta de estragos provocados pelas chuvas
Prefeitura decretou emergência por conta de estragos provocados pelas chuvas
O prefeito de Bagé, Divaldo Lara, do PTB, anunciou, ontem, que o valor de R$ 120 mil, que seria investido para a realização do Carnaval, será revertido para a realização de ações de combate a alagamentos na cidade. O chefe do Executivo adiantou que o recurso deve ser investido na locação de maquinário, além de ações de desassoreamento.
“O alto volume de chuvas acumuladas desde o início do ano é o principal causador de diversos transtornos. Neste período, já foram contabilizados mais de 150 pontos críticos atingidos pelas enxurradas, tanto na zona urbana quanto na zona rural, onde além das estradas, a produção agrícola também está sendo severamente prejudicada”, detalhou o chefe do Executivo.
De acordo com o petebista, o valor seria destinado para estruturas como arquibancadas, grade de contenção, camarotes, segurança, sonorização e iluminação. “É inviável investir nos festejos, sabendo da situação que nossa cidade passa devido às constantes chuvas. Esta é uma decisão de governo e que prioriza as pessoas que estão sofrendo com suas casas alagadas e àquelas que estão ilhadas na zona rural”, ressalta Divaldo.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...