ANO: 25 | Nº: 6278
25/01/2019 Cidade

Azul descarta início dos voos entre Bagé e Porto Alegre em fevereiro

Foto: Divulgação

Prédio irá abrigar o setor de administração
Prédio irá abrigar o setor de administração

A previsão da Azul Linhas Aéreas, de começar a operar em Bagé a partir de fevereiro, mais uma vez não irá se concretizar na data projetada. A empresa realizou vistoria no Aeroporto Internacional Comandante Gustavo Kraemer, em outubro do ano passado, e, agora, aguarda a certificação do terminal para dar início aos voos regulares ligando a Rainha da Fronteira com Porto Alegre.

De acordo com o assessor especial da presidência da Azul Linhas Aéreas, Ronaldo Veras, para a certificação, é necessário que sejam realizadas algumas adequações no terminal. Em outubro, quando foi feita a vistoria, ele havia informado que a estrutura do local não precisava de mudanças, somente ações simples, como pintura e corte de grama.

O cronograma da linha, porém, segue o mesmo. A viagem ligando Bagé à capital gaúcha deve ter periodicidade de quatro vezes por semana, podendo ser alterada de acordo com a procura pelas passagens, que devem começar a ser vendidas 60 dias antes de cada voo. Os aviões da Azul comportam 70 pessoas em cada viagem, com tempo de duração de cerca de uma hora.

Melhorias

Conforme o responsável pela operação e segurança do aeroporto, Michel Rosa da Silveira, o processo de certificação é realizado pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), diretamente com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a partir da solicitação da empresa que irá operar no local. Ele salienta que o prazo para liberação, ou não, é de aproximadamente 60 dias após o pedido. Segundo Silveira, a Azul está aguardando a finalização das obras para entrar com o pedido na Infraero.

O responsável ressalta que um grupo de engenheiros e arquitetos da Infraero esteve no terminal, no final de dezembro, para liberar a realizações das obras de adequação solicitadas pela empresa Azul. "Estamos realizando a adequação do terminal de passageiros, liberando espaço", comenta.

Silveira destaca, também, que está sendo finalizado um prédio para abrigar a parte administrativa do terminal e, posteriormente, serão feitas mudanças nas divisórias para aumentar o ambiente de atendimento. "As adequações de pintura e corte de grama na pista já foram realizadas", relata.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...