ANO: 25 | Nº: 6401
29/01/2019 Segurança

Operação apreende 35 quilos de maconha em Bagé

Foto: Divulgação

Uma operação realizada ontem, na Rainha da Fronteira, resultou na maior apreensão de maconha do ano na cidade. Além de 35 quilos da droga, foram recolhidas duas espingardas de calibre 12. Uma das indiciadas pela polícia como operadora de uma organização criminosa, Isabel Alice Nunes, 19 anos, foi presa. Os outros líderes já haviam sido detidos.
A ação aconteceu pela manhã, quando os policiais cumpriram quatro mandados de busca e apreensão em Bagé. O grupo investigado é o responsável, segundo a Polícia Civil, por realizar roubos a joalherias, residências e estabelecimentos comerciais. Foram apreendidos seis celulares, um tablet, um notebook, joias, uma motocicleta e um carro.
A Delegacia de Polícia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) realizou o trabalho junto com o setor de inteligência e policiamento ostensivo da Brigada Militar, e com apoio da Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrab) e 2ª Delegacia de Polícia.
Segundo o delegado Cristiano Ritta, o monitoramento das ações dos grupos criminosos que tentam se instalar em Bagé é uma atividade desenvolvida com investigação e inteligência. "Também é preciso analisar a melhor hora para efetuar as prisões", diz.
Isabel, conforme informações dos agentes, era responsável por receber e distribuir a droga na cidade, além de manter a escrituração de todos os negócios do grupo. Ela já havia sido presa no ano passado, por receptação de joias levadas de uma ótica da cidade.
Acusada de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo, Isabel foi encaminhada à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) e depois ao Presídio Regional de Bagé (PRB).

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...