ANO: 24 | Nº: 6158

Divaldo Lara

divaldolara@gmail.com
Prefeito de Bagé
11/02/2019 Divaldo Lara (Opinião)

Em dois anos, mais calçadas novas do que em 16 anos anteriores

Muito se fala sobre as ruas e sua conservação, o que gradativamente temos melhorado, conforme as possibilidades financeiras do município e que já somam 20 quilômetros. Mas, hoje, escolhi, como tema para a coluna, um outro ponto, menos comentado, mas tão importante quanto, para nossa mobilidade. Refiro-me aos passeios públicos, popularmente conhecidos como calçadas.
Juntamente com todos os projetos de asfaltamento que temos realizado na cidade, os passeios públicos também são incluídos neste pacote de obras e pouco se fala nisso. Até o momento, contabilizando com a obra em andamento no bairro Dois Irmãos, somamos 15 quilômetros de calçadas construídas, bem estruturadas e com acessibilidade. É o caso de todo o trajeto do Anel Rodoviário, da avenida Attila Taborda, rua Maria Anunciação de Godoy, de acesso à Unipampa, rua Breno Machado, que oferece acesso ao novo residencial no Morgado Rosa, PM Éverton e tantas outras em que os bajeenses passaram a usufruir tanto de boas ruas para veículos quanto para pedestres.
Sobre as calçadas já estabelecidas e que precisam de conservação, nos reunimos na última semana para viabilizar a aplicação do projeto Calçada Legal, que consiste em realizar a manutenção nas calçadas de espaços públicos, incluindo as praças, além da limpeza e desobstrução destes locais. Também haverá um trabalho de conscientização e solicitação a moradores e comerciantes para que realizem a manutenção destes espaços, sob sua responsabilidade.
Nosso Governo também estuda a implementação da Calçada Verde, que prevê espaços arborizados nas nossas ruas e estamos convidando o Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Condema) para que ajude na orientação e aplicação da ação. O piso tátil também é uma característica para aumentar a segurança dos pedestres, principalmente em dias de chuva.
Estamos tratando esta pauta em paralelo às de limpeza da cidade, onde iniciamos ação de mutirão das secretarias. Nesta ação, servidores de todas as pastas estão, de forma voluntária e aos finais de semana, contribuindo com a conservação da cidade. O resultado, em muitos lugares, já pode ser visualizado, como no Trevo do 21, José do Patrocínio, trechos da avenida Espanha, proximidades do Militão e outros, realizados no último sábado. Esta é uma iniciativa complementar a da Secretaria de Infraestrutura, que também realiza o trabalho durante a semana e participa também dos mutirões.
Por fim, há também a preocupação com os terrenos vazios, com pasto crescido e que, muitas vezes, acumulam lixo depositado pelos próprios cidadãos. Neste caso, solicito, em primeiro lugar, consciência das pessoas para que contribuam tanto com o aspecto limpo da cidade e também providências aos proprietários destes espaços para a devida limpeza.
Voltando ao quesito das calçadas, é bom salientar que, nossa preocupação com a mobilidade dos pedestres, tanto no centro quanto nos bairros, já rendeu em dois anos, a construção de mais calçadas novas do que nos 16 anos anteriores somados.

Deixe seu comentário abaixo

Outras edições

Carregando...