ANO: 25 | Nº: 6280
12/02/2019 Cidade

Revitalização do Edifício Teorema deve começar até o início de março

Foto: Tiago Rolim de Moura

Parte do CIC está interditada deste o final de janeiro
Parte do CIC está interditada deste o final de janeiro

Os condôminos do edifício Teorema definiram, na sexta-feira, a realização da reforma do prédio. A situação estava pendente desde a queda de parte do reboco, que afetou o Centro de Integração Comercial (CIC), que funciona ao lado do imóvel, na rua Flores da Cunha, no final do mês passado. Desde o acidente, parte do CIC está interditado.

Conforme o síndico do edifício, o dentista Gilnei Fagundes, além da revitalização do prédio, os condôminos definiram por pagar uma indenização aos ambulantes que ficaram prejudicados com a queda.

Fagundes salienta que, no momento, está recebendo os orçamentos solicitados junto a empresas, e está previsto, para o dia 21 de fevereiro, às 19h, um novo encontro com os condôminos para definir a melhor proposta. Ele explica que o prédio deverá receber melhorias em toda a parte externa e, posteriormente, na interna.

O síndico também informa que será solicitado, à Prefeitura, a mudança da parada de ônibus que funciona em frente ao prédio. “A obra deve começar até o início de março e está prevista uma revitalização total do local. Só falta definir os valores”, conclui.

Após a queda do reboco, o comando do condomínio instalou tapumes no local. A estimativa é de que a reforma da parte externa demore em torno de um mês para ser concluída, após ter início.

 

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...