ANO: 25 | Nº: 6330
15/02/2019 Esportes

Adversários na Divisão de Acesso: Farroupilha

Foto: Jô Folha/Especial JM

Equipe teve investimento baixo para competição
Equipe teve investimento baixo para competição
A série sobre os adversários do Bagé, na Divisão de Acesso, encerra com o Farroupilha. Recém-promovido, o Fantasma foi o último a iniciar a pré-temporada, há cerca de 30 dias. Tanto que a equipe estreará somente na quarta-feira que vem, em São Gabriel. A partida da primeira rodada, em casa, contra o Guarani-VA, foi adiada para 6 de março.
Repórter da rádio Tupanci, de Pelotas, Tallis Machado relata que o trabalho iniciou com o técnico José Luiz Soares (Nenê). Porém, devido à incompatibilidade de ideias no ambiente, ele foi demitido. Para o seu lugar, assumiu Zeca Ferreira.
Do elenco de 2018, alguns nomes permaneceram, com destaque para os atacantes Daniel Quevedo e Carlos Gatto, algoz do Guarany. Devido às dificuldades financeiras, não há como antecipar alguma ambição maior do Farroupilha. Sabendo da situação, o treinador aposta num pensamento jogo a jogo e no comprometimento da equipe para surpreender e se impor dentro do estádio Nicolau Fico. "É a primeira vez que assumo uma equipe profissional. O desafio é grande, pela história da instituição. Futebol tem dois momentos: quando se tem a bola e quando não se tem. Quero um time extremamente organizado nesses dois momentos. Em linhas gerais, o futebol se define assim, pois a superação tem um efeito menos duradouro. Nós corremos contra o tempo, mas encontrei um grupo trabalhador que está faminto por oportunidades melhores", destacou Zeca, em coletiva de imprensa que marcou a apresentação.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...