ANO: 25 | Nº: 6236
19/02/2019 Fogo cruzado

Articulação pela expansão de escolas cívico-militares pode refletir em Bagé

O Ministério da Educação (MEC) deve anunciar, nos próximos dias, as ações para ampliar o número de escolas cívico-militares no país. Na semana passada, houve uma reunião da equipe responsável pelo assunto. Segundo publicado pela Agência Brasil, faltam apenas ajustes finais antes do lançamento da política.
Aumentar o número de escolas cívico-militares no país é uma das prioridades do MEC, que passou a contar com uma Subsecretaria de Fomento às Escolas Cívico-Militares. Esta decisão, aliás, pode atingir, de forma direta, o município de Bagé. Em janeiro, durante agenda em Brasília, o prefeito Divaldo Lara apresentou, ao então presidente em exercício, Hamilton Mourão, uma proposta para instalar, na Rainha da Fronteira, uma escola militar.
Atualmente, no Brasil, são 120 escolas em 17 estados do país com o modelo, a maior parte em Goiás, com 50 estabelecimentos de ensino, de acordo com levantamento da Polícia Militar do Distrito Federal (DF). Na conta ainda não estão incluídas as escolas do DF.
Em nota, no mês passado, o MEC informou que o modelo se justifica pelos altos índices de criminalidade brasileiros. "O Ministério da Educação buscará uma alternativa para a formação cultural das futuras gerações, pautada no civismo, na hierarquia, no respeito mútuo, sem qualquer tipo de ideologia, tornando-os desta forma cidadãos conhecedores da realidade e críticos de fatos reais", mencionou o informe.
De acordo com o Ministério de Educação, são considerados também o desempenho positivo dessas escolas e os "elevados índices nas avaliações". O modelo de escola, segundo o MEC, "contará com a participação de vários segmentos da sociedade. Cada ente envolvido, dentro de sua esfera de competência, terá importância fundamental para a construção de um Brasil melhor. Essas unidades de ensino serão voltadas para as famílias que concordam com essa proposta educacional". Para ser implementado, o modelo precisa da participação de estados e municípios.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...