ANO: 26 | Nº: 6578
12/03/2019 Fogo cruzado

Assembleia abre ciclo de audiências para debater privatizações e doações ao Funcriança

A Assembleia Legislativa realiza, na sexta-feira, 15, em Caxias do Sul, a primeira de uma série de 10 audiências públicas para divulgar a campanha Valores que Ficam, que incentiva a doação de parte do Imposto de Renda devido por pessoas físicas ao Fundo da Criança e do Adolescente (Funcriança), e para debater temas que estão no centro da agenda política do Rio Grande do Sul, como as privatizações e as concessões de serviços públicos. A segunda audiência será realizada no dia 29, em Pelotas. Estão previstos encontros em Santa Maria, Bagé, Capão da Canoa, Passo Fundo, Santa Cruz do Sul, Uruguaiana, Santa Rosa e Porto Alegre.
A intenção do presidente do parlamento, Luís Augusto Lara, do PTB, ao propor a campanha, é garantir que parte do imposto devido pelos gaúchos à União fique no Rio Grande do Sul e ajude a financiar projetos sociais. Já o debate sobre as concessões, privatizações e a constituição de parcerias público-privadas tem o propósito de envolver a sociedade gaúcha na definição do rumo das mudanças que acontecem no setor público.
O primeiro evento, que será realizado no teatro da Universidade de Caxias do Sul (UCS), a partir das 13h30min,  vai abordar, no primeiro momento, o direcionamento de parte do imposto devido à Receita para o Funcriança. O delegado da Receita Federal em Santa Cruz do Sul, Leomar Padilha, e o delegado da Receita Federal em Caxias do Sul, Nilson Sommavilla Primo, explicarão o procedimento para fazer a doação. Além disso, representantes do Conselho Regional de Contabilidade e de entidades sociais também abordarão o tema. Na segunda parte do encontro, o debate tratará das privatizações de empresas públicas e contará com a participação de integrantes do governo do Estado.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...