ANO: 25 | Nº: 6233

Viviane Becker

viviminuano@hotmail.com
Colunista social do Jornal Minuano, Viviane Becker é experiente jornalista de geral e conhecida editora do caderno de variedades Ellas.
15/03/2019 Caderno Ellas

pg 13 -' Ellas' fazem com amor

Foto: Rosane Coutinho/Especial JM

Ellas fazem com amor

Acredito em energias positivas e por isso quando recebi o convite de compartilhar histórias na coluna "Ellas fazem com amor", tive muito claro quem seria a minha primeira entrevistada. Começo dizendo que ela é espetacular, ícone da mulher contemporânea. Pense naquele perfil que você percebe que brilha em todos os âmbitos. Que no jogo da vida ataca, defende, cabeceia e faz goleadas. Seu nome é Juliana Sayuri Magrini Ueda Gimenez. Não é bajeense, mas oferece tanto à nossa cidade que merece estar aqui nesta estreia.

O SONHO DE COSTURAR

Juliana é natural de Dourados/MS, residente na Rainha da Fronteira há oito anos. Formada em Direito, atua como advogada e empresária, já que há cinco anos, por perceber a necessidade da cidade, empreendeu abrindo uma franquia de depilação a laser. Aos 33 anos, é mãe de Júlia e Miguel, quatro e um ano, respectivamente.

Cada pessoa tem um brilho próprio, isso é fato, e é o poder mais valioso de cada ser humano. Na nossa entrevistada, atribuo que a força está na energia que ela exala. É o tipo de mulher que permite que se ria, chore, planeje e se revele o mais íntimo, tudo ao mesmo tempo e sem rodeios. Porque sua pureza permite isso e só se contrasta com a ânsia que tem em viver e fazer acontecer. Para ela, o tempo é precioso. 

Mas se engana quem pensa que esta advogada é TUDO isto apenas. Não! Ela tinha no seu íntimo um sonho - o de costurar. Sempre bem resolvida, resolveu participar de um curso de costura com Adriana Azeredo e logo foi pesquisar e se aprofundar com os cursos online e vídeos nas plataformas do mundo digital. “Quando percebi, eu estava apaixonada pela costura”, comenta ela.

Hoje, especializada em modelagem personalizada, cria e não tem tempo ruim para ela. Costura com tudo - feltros, diversos tipos de tecidos, embora conte que o material queridinho para compor sejam os sintéticos. Ela usa a imaginação e também cria de acordo com a necessidade do cliente. "Isso é o mais bárbaro do meu trabalho", confessa.

E mais uma vez a energética empreendedora foi lá e fez a diferença. No princípio, os produtos eram confeccionados apenas para presentear amigas, mas com a propagação da qualidade passou a se tornar um negócio. E dessa forma, surgiu o Ju Gimenez (JG) Atelie. Atualmente, pelo Instagram, a marca é reconhecida e com encomendas a todo o tempo, inclusive para outros estados.

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias do caderno

Outras edições

Carregando...