ANO: 25 | Nº: 6233

Viviane Becker

viviminuano@hotmail.com
Colunista social do Jornal Minuano, Viviane Becker é experiente jornalista de geral e conhecida editora do caderno de variedades Ellas.
15/03/2019 Caderno Ellas

pg 6 - consumo consciente

Foto: Reprodução JM

" Eu preciso muito dessa roupa!"

#closetinteligente

" Eu preciso muito dessa roupa!"

Mas será que precisa mesmo?

Lu Sellmann compartilhou no Insta do #closetinteligente  uma lista de questionamentos que ela usa no momento da compra:

1 - Essa peça de roupa agrada 100%? Cor, modelagem, caimento?

2 - Gostou do tecido?

3- É do seu tamanho? Roupa não é para entrar, é para servir!

4- A cor favorece?

5- Combina com outros itens do seu armário, pelo menos de três a cinco peças?

6 - Enfim a pergunta máster: Faz parte do seu estilo pessoal?

Com esse minirroteiro seguido a risca, Lu Sellmann afirma para você que suas compras nunca mais serão as mesmas! Você verá que o resultado de suas escolhas serão extremamente mais satisfatório.

A redação do Caderno Ellas acrescenta, ainda, um questionamento que arremata todos esses, que foi sugerido pela nossa estilista colaboradora Janine Pinto. "Quantas vezes você vai conseguir utilizar essa peça?"

 box

Minimalismo? O prazer do desapego!

Pode não parecer, mas o minimalismo está em alta. O que significa isso?  Uma cultura, uma prática mais consciente, uma filosofia, mas acima de tudo, um estilo de vida  simples em que o menos é mais. Com tanta ostentação nas redes sociais, a ideia de levar uma vida sem excessos pode parecer estar andando na contramão. Mas a verdade é que o minimalismo vem sendo muito difundido. E acredite: há uma legião de adeptos a ele. A proposta é  libertar-se do que não tem mais utilidade, livrar-se de coisas que você não precisa, aquelas que ocupam espaço em sua casa e no seu guarda-roupa. A prova real é que os grupos de desapego que surgem a todo momento nas redes sociais vêm fazendo o maior sucesso, inclusive em Bagé. Pessoas vendendo o que já não tem mais utilidade em suas vidas e outras comprando a baixo custo, itens que realmente precisam. Essa colunista não é um exemplo a ser seguido, mas tem se esforçado para fazer o mesmo. É sempre interessante refletir sobre tudo que nos cerca, inclusive a forma que administramos o nosso consumismo.

Já fazendo referência sobre a temática em questão, volto a falar sobre o Brechic. O brechó que já teve várias edições sob a curadoria da estilista Janine Pinto e Inda Flores, em prol do complexo de Santa Thereza. A especialista em moda está fazendo valer o minimalismo e despertando a comunidade/sociedade para trabalhar o desapego além de mostrar os benefícios da moda sustentável. Além de todo o contexto, as edições do Bechic, que vem ocorrendo, tem foco na valorização de um importante patrimônio histórico da nossa cidade, que necessita de um olhar mais carinhoso do poder público e da própria comunidade, o Centro Histórico Vila de Santa Thereza. Em breve estarei divulgando quando acontecerá a próxima edição.

 

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias do caderno

Outras edições

Carregando...