ANO: 25 | Nº: 6309
06/04/2019 Cidade

Escritores do FestFronteira conhecem a história através das lápides

Foto: Murilo Alves / Especial JM

Durante o caminho, os escritores foram apresentados a lápides de grandes nomes da história gaúcha
Durante o caminho, os escritores foram apresentados a lápides de grandes nomes da história gaúcha
Por Murilo Alves

Antecedendo a programação da segunda edição do FestFronteira Literária, que acontece neste sábado, no Café & Prosa Livraria, os autores Luísa Geisler, Gabriela Silva, Fernanda Matzenbacher, Vítor Necchi, Feg Risch, Gustavo Melo Czekster e o idealizador e coordenador do festival, Rodrigo Ungaretti Tavares, realizaram um passeio no cemitério da Santa Casa de Caridade de Bagé. A atividade foi conduzida pela coordenadora do curso de História da Urcamp, Clarisse Ismério.
De acordo com Clarisse, o objetivo do passeio era apresentar a arte cemiterial, além de contar um pouco da história do Sarau Noturno, projeto que completou uma década em 2018 sob o comandado da historiadora. Clarisse informou, também, que o passeio é aberto ao público e o agendamento já pode ser realizado junto aos responsáveis do curso de História.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...