ANO: 26 | Nº: 6494
23/04/2019 Cidade

Mais de 10,3 mil bajeenses já apresentaram declaração do Imposto de Renda

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

No País, já foram contabilizadas 16.532.665 declarações
No País, já foram contabilizadas 16.532.665 declarações
Até as 10 horas de ontem, o sistema da Receita Federal havia recebido 10.366 declarações de Imposto de Renda de contribuintes bajeenses. A previsão, baseada em 2018, é de que 19.673 pessoas realizem a entrega, no município, com a expectativa de arrecadação de R$ 29.220.984,82. No Rio Grande do Sul, a Receita Federal já recebeu 1.208.450 declarações do IRPF 2019 até agora e a expectativa é de que 2,1 milhões de contribuintes apresentem a documentação.
No País, já foram contabilizadas 16.532.665 declarações, sendo que 33.832 com certificado Digital e 16.499.178 sem Certificado Digital. O prazo de entrega termina em 30 de abril e são esperadas 30,5 milhões de declarações, segundo o supervisor nacional do Imposto de Renda, auditor-fiscal Joaquim Adir.
Na região de abrangência da Receita de Bagé, Aceguá já alcançou o número de 207 declarações, das 506 previstas e recebidas em 2018. No último exercício, o município arrecadou R$ 538.372,79. Em Hulha Negra, o sistema contabilizou 222 das 404. No ano passado, foi arrecadado R$ 183,354,54. Já em Candiota, o sistema contabilizou 1.011 das 1.555 declarações registradas em 2018, com a arrecadação de R$ 879.729,98.
De acordo com a assessoria de comunicação da Receita Federal, na jurisdição da Delegacia da Receita Federal em Pelotas, que abrange 34 municípios, até o dia 21 de abril, foram entregues 94.347 declarações. Em 2018, foram recepcionadas 176.692 declarações

Campanha "Valores que Ficam"
Os contribuintes têm até o dia 30 de abril para destinar até 3% do seu imposto devido aos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente, diretamente na declaração do Imposto de Renda. O valor a ser doado deverá ser pago dentro do prazo de entrega da declaração. Na Jurisdição da Receita Federal em Pelotas, o potencial de doação dos 6% previstos no art. 260 do ECA-Estatuto da Criança e do Adolescente atingiu o valor de R$ 33 milhões. No município de Pelotas, esse valor é de R$ 15,5 milhões.
Durante o período de entrega da declaração, o contribuinte só pode destinar até 3% do imposto devido, caso não tenha atingido o percentual de 6%.
Os valores destinados serão repassados integralmente pela Secretaria do Tesouro Nacional aos Fundos, para serem aplicados em projetos sociais locais, aprovados pela comunidade. Assim, o contribuinte deixa parte de seu imposto de renda na própria cidade, com a possibilidade de acompanhar a sua aplicação em projetos de assistência social.

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...