ANO: 25 | Nº: 6377
30/04/2019 Campo e Negócios

Dupla de Livramento vence Crioulaço

Foto: Felipe Ulbrich/especial JM

Giliard Tamara, montando Tarimba do Guassupi, foi um dos campeões
Giliard Tamara, montando Tarimba do Guassupi, foi um dos campeões
Depois de três dias com competidores divididos em 14 categorias diferentes, os entusiastas do laço no Cavalo Crioulo conheceram os campeões do ciclo no Crioulaço, em evento realizado no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Mesmo com os dias de chuva no final de semana, o ânimo dos participantes não arrefeceu, assim como do público, que compareceu em grande número nas arquibancadas do espaço do Cavalo Crioulo.

Em seu discurso, o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Francisco Fleck, destacou que, apesar do mau tempo, nada conseguiu parar a força e a dedicação dos laçadores do Cavalo Crioulo. Ele mencionou que o laço é um dos elementos mais importantes dentro da criação. "O laço é parte da nossa equitação gaúcha. Todo o que quiser se considerar um domador tem que saber laçar. O laço representa um dos pilares da nossa equitação crioula. O laço faz parte do preparo do potro e da nossa lida campeira", afirmou.

Na Força A, principal categoria do Crioulaço, duas duplas chegaram no lugar mais alto do pódio. O primeiro lugar ficou com as duplas Giliard Tamara, montando Tarimba do Guassupi, e Jonatan Costa, com Recoluta do Guassupi, e Gilson Santos, com Geada da Santa Hilda, e Tiago Soares, montando El Tropillero Estrela Guia, mas Gilson e Tiago cederam o título para Gilliard e Jonatan, que foram bicampeões com os mesmos animais do ano passado, quando o primeiro lugar também teve duas duplas.

Foram definidos, também, os campeões nas demais categorias em mais de R$ 80 mil em prêmios distribuídos. No Potros de Ouro, com animais entre 2,8 anos e 3,8 anos, o título foi dividido entre quatro laçadores, já que a prova adentrou a madrugada de sábado para domingo. Já no Laço Inclusivo, para portadores de necessidades especiais, a vitória ficou com Márcio Silveira dos Santos montando AZ de Ouros Don Juan.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...