ANO: 25 | Nº: 6312
30/04/2019 Cidade

Prazo para declarar Imposto de Renda 2019 encerra hoje

Foto: Tiago Rolim de Moura

Mais de 15 mil declarações haviam sido realizadas, até ontem, em Bagé
Mais de 15 mil declarações haviam sido realizadas, até ontem, em Bagé
Apenas na semana passada, 4.713 declarações de Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) 2019 foram efetuadas em Bagé. Quem não realizar o procedimento até as 23h59min de hoje terá que pagar multa de 1% sobre o imposto devido ao mês. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo é de 20% do montante devido.
Segundo informações da Delegacia da Receita Federal do Brasil em Pelotas, que abrange a Rainha da Fronteira, até as 10h de ontem, o sistema havia recebido 15.079 declarações de contribuintes bajeenses. O número representa 76,65% das 19.673 pessoas a realizarem o processo até 31 de dezembro de 2018.
No Rio Grande do Sul, a Receita Federal já recebeu, até ontem, 1.780.911 declarações do IRPF 2019 até agora e a expectativa é de que 2,1 milhões de contribuintes declarem.
Em contexto nacional, foram efetuadas 24.103.118 declarações, sendo que 0,20% com certificado digital e 99,80% sem certificado digital. O prazo de entrega termina hoje e são esperadas 30,5 milhões de declarações, segundo o supervisor nacional do IR, o auditor-fiscal Joaquim Adir.

Campanha "Valores que Ficam"
Os contribuintes também têm até hoje para destinar até 3% do seu imposto devido aos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente, diretamente na declaração do Imposto de Renda. O valor a ser doado deverá ser pago dentro do prazo de entrega da declaração. Na Jurisdição da Receita Federal em Pelotas, o potencial de doação dos 6% previstos no art. 260 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), atingiu o valor de R$ 33 milhões. No município de Pelotas, esse valor é de R$ 15,5 milhões.
Durante o período de entrega da declaração, o contribuinte só pode destinar até 3% do imposto devido, caso não tenha atingido o percentual de 6%. Os valores destinados serão repassados integralmente pela Secretaria do Tesouro Nacional aos Fundos, para serem aplicados em projetos sociais locais, aprovados pela comunidade. Assim, o contribuinte deixa parte de seu imposto de renda na própria cidade, com a possibilidade de acompanhar a sua aplicação em projetos de assistência social.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...