ANO: 25 | Nº: 6282
15/05/2019 Campo e Negócios

Diminui em 4,6% o abate de bovinos no Brasil, aponta IBGE

O abate de bovinos, que somou 7,77 milhões de cabeças no primeiro trimestre deste ano, caiu 4,6% em relação ao último trimestre. Os dados constam em levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado ontem.
De acordo com o Instituto, por outro lado, houve crescimento de 0,3% na comparação com o primeiro trimestre de 2018. O abate de suínos, que totalizou 11,27 milhões de cabeças, teve altas nos dois tipos de comparação: 0,7% em relação ao último trimestre e 5,2% em relação ao primeiro trimestre do ano passado.
O abate de frangos (1,45 bilhão de animais) teve aumento de 2,3% em relação ao último trimestre de 2018, mas caiu 2% na comparação com o primeiro trimestre daquele ano.

Queda na produção de ovos

A produção nacional de ovos de galinha se configurou, no recente levantamento do IBGE, como o mais curioso. Isso porque foi registrada uma queda de 3% na passagem do último trimestre de 2018 para o primeiro trimestre deste ano. Segundo o Instituto, é a primeira vez na série histórica (iniciada em 1997) que ocorre uma redução neste tipo de comparação.

Apesar da queda em relação ao último trimestre de 2018, a produção de 908,43 milhões de dúzias do primeiro trimestre deste ano é 5,6% maior do que a registrada no mesmo período do ano passado.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...