ANO: 25 | Nº: 6312
17/05/2019 Cidade

Diretoria do Corede Campanha se reúne em Bagé

Foto: Jéssica Pacheco/EspecialJM

Análise de proposta do governo gaúcho para a Consulta Popular integrou a pauta
Análise de proposta do governo gaúcho para a Consulta Popular integrou a pauta
A diretoria do Conselho Regional de Desenvolvimento da Campanha, composta pela presidente Lia Maria Herzer Quintana; vice-presidente, Fábio Juliani Pintos, e secretário, Marco Antônio Fontoura Hansen, esteve reunida, na tarde de ontem, 16, na Sala dos Conselhos da Urcamp. O objetivo do encontro foi revisar o Estatuto do Regimento, bem como debater sobre a Consulta Popular.

Os resultados da revisão do Estatuto devem ser apresentados na próxima Assembleia Geral Regional. No que tange a análise da Consulta Popular, a diretoria debruçou-se, especialmente, a respeito de projetos ainda não pagos, o que tem gerado preocupação. Conforme divulgado, os dados atualizados, sobre esse assunto, estão sob responsabilidade da Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE).

A respeito da Consulta Popular 2019/2020, aliás, todos os 28 Coredes estão se reunindo para analisar a proposta apresentada pelo governo do Estado, o que deve ser tratado no Fórum dos Coredes, assim que todos os resultados das apurações forem reunidos. Desse modo, deve ocorrer uma manifestação sobre os encaminhamentos necessários, incluindo a resposta oficial ao Estado.

Para a reitora da Urcamp e presidente da Fundação Attila Taborda, professora Lia Maria Herzer Quintana, que está em sua segunda gestão frente à presidência do Corede Campanha, é necessário reforçar a importância do desenvolvimento. "Trabalhamos em prol desses sete municípios que compõem o Corede Campanha e primamos por esse desenvolvimento regional. Neste sentido, o processo da Consulta Popular e o pagamento das demandas já eleitas pelo público, anteriormente, fazem parte de nossas principais pautas. A sugestão de nossa diretoria é um trabalho conjunto entre os Coredes, Fórum e SGGE, por uma metodologia que contemple os anseios da população e os possíveis limites existentes", ponderou ela.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...