ANO: 25 | Nº: 6360
19/06/2019 Segurança

Ação contra inadimplência do IPVA tem fiscalização em Bagé

Foto: Tiago Rolim de Moura

Barreira na avenida Espanha ocorreu na manhã de ontem
Barreira na avenida Espanha ocorreu na manhã de ontem

Desde a semana passada, a Receita Estadual está em campanha contra a inadimplência do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Ontem, na avenida Espanha, por exemplo, aconteceu uma barreira em Bagé, com ações da Brigada Militar. O objetivo é a recuperação de mais de R$ 3 milhões devidos na Rainha da Fronteira.

De acordo com dados da titular da 12ª Delegacia da Receita Estadual, auditora-fiscal Clarissa Rezende Curra, há 35.662 pagantes em Bagé, dos quais 29.272 quitaram o tributo. Em termos de valores, o total a ser recebido está estimado em R$ 26.418.548,94, dos quais R$ 23.161.944,39 foram pagos - a inadimplência ainda é de R$ 3.256.604,55, ou 12,33%.

O proprietário que for flagrado nas barreiras com o IPVA atrasado terá custos que poderão ir além de colocar em dia o imposto. Como o IPVA é um dos requisitos para renovar o Certificado de Registro e de Licenciamento de Veículo (CRLV), transitar sem este documento em ordem significa infração gravíssima (art. 230, V, do Código de Trânsito Brasileiro), com risco de multa e pontos no prontuário da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além dos custos do serviço de guincho e depósito do Detran.

 

 

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...