ANO: 25 | Nº: 6378
20/06/2019 Segurança

Mulher denuncia que avô teria estuprado neto durante três anos

Uma mulher registrou, na terça-feira, na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), que seu filho teria sido vítima de abusos sexuais e estupro, entre os anos de 2015 e 2018, quando morava com o avô - pai da denunciante.

Conforme o relato da mãe do adolescente, ela somente ficou sabendo dos fatos recentemente, pois o menino, na época, tinha 11 anos e residia com o avô, com que ficou até os 14 anos. A mulher também relatou que ela sofreu abusos quando tinha oito anos e que contou para a mãe, que não acreditou nela.

A denunciante ainda ressaltou, no boletim de ocorrência, que o menino tem Síndrome do Espectro Autista e que, somente agora, relatou o que o avô teria feito, que teria tocado em suas partes íntimas e lhe estuprado.

A mulher destacou que tem uma filha de quatro anos, que também não gosta do avô e desconfia que ele tenha tentado abusar dela. Ela solicitou, para a Polícia Civil, medidas protetivas de urgência, pois teme que o acusado, após ter conhecimento do registro, faça algo contra a família. A investigação será realizada pela Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam).

 

 

 

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...