ANO: 25 | Nº: 6485
20/06/2019 Cidade

Uruguaios realizam ato de juramento à bandeira em Bagé

Foto: Tiago Rolim de Moura

Evento ocorreu pela primeira vez na cidade
Evento ocorreu pela primeira vez na cidade
Uma solenidade no Consulado Uruguaio marcou, pela primeira vez em Bagé, o ato de juramento de fidelidade à Bandeira Nacional. A cerimônia contou com 15 cidadãos naturais ou legalizados uruguaios, que receberam o certificado do órgão.

A cerimônia iniciou com o hino uruguaio e, logo em seguida, o cônsul Mario Liori realizou a leitura de uma carta do ministro das Relações Exteriores do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, falando da importância do ato e da data escolhida, que marca o aniversário de 155 anos do General José Artigas. O diplomata também contou a história da bandeira e leu o juramento.

O juramento de fidelidade à Bandeira é uma formalidade realizada desde 1940 no Uruguai. Ao menos uma vez na vida, todo o cidadão é obrigado a prestar, em ato público e solene, este juramento para receber uma certidão necessária para trâmites legais no país.

A dona de casa Beatriz Etchenagucia Bufao, de 71 anos, se emocionou durante a solenidade. Ela é natural de Taquarembó, casou com um brasileiro e vive em Bagé há 49 anos. "Nunca tive oportunidade de jurar a bandeira. Foi uma emoção. Mesmo no Brasil, o Uruguai sempre será o meu país", afirmou.

Já o médico veterinário e produtor rural Mario Antônio Castro, de 73 anos, é brasileiro, mas naturalizado uruguaio. Ele comentou que tem propriedade no Uruguai e procura participar de todas as solenidades. Ele tem cidadania e vota no país vizinho. "Nunca havia participado do juramento e foi uma oportunidade", reconheceu.

Ao final da solenidade, todos os participantes que realizaram o juramento receberam a certidão.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...