ANO: 26 | Nº: 6575
02/08/2019 Segurança

Decrab prende mais um acusado de crimes rurais na Operação Brique/RS

Foto: Divulgação

Armas, munições e insumos para recarga foram encontrados
Armas, munições e insumos para recarga foram encontrados
A Delegacia de Polícia de Cruzeiro do Sul efetuou, ontem, o cumprimento de um mandado de busca e apreensão referente a investigação que vem sendo realizada pela Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrab) de Bagé, onde estão sendo investigados integrantes de quatro grupos de WhatsApp que estariam cometendo crimes de abigeato, comércio ilegal de armas de fogo, caça ilegal de animais silvestres, entre outros.
De acordo com a polícia, o trabalho vem sendo denominado “Operação Brique RS”, fazendo referência ao nome de um dos grupos investigados. O mandado foi em uma residência localizada no município de Cruzeiro do Sul.
Nas buscas, foram apreendidos, dois rifles calibre 22, uma espingarda calibre 28, uma carabina de pressão, 220 cartuchos calibre 22, estojos de munição, pólvora, chumbos, espoletas e demais insumos para recarga, apitos de caça e outros. As armas não possuíam registro legal e uma delas estava em situação de furto.
A ação também contou com a participação de agentes das delegacias de Estrela e Bom Retiro do Sul. As investigações tiveram início no mês de janeiro deste ano, sendo que com a prisão realizada na manhã de hoje o inquérito policial já contabiliza 16 investigados presos.
Conforme o delegado André Mendes, titular da Decrab/Bagé, as investigações já estão em fase final. Contudo, algumas diligências ainda serão realizadas antes do encaminhamento do inquérito policial ao Poder Judiciário. Ao todo, foram apreendidas 60 armas de fogo, sendo 10 delas furtadas e milhares de munições, além de considerável quantidade de insumos para recarga de munições.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...