ANO: 25 | Nº: 6308
13/08/2019 Fogo cruzado

Bolsonaro garante recursos para novo trecho de duplicação da BR-116

Foto: Reprodução JM

Hamm entregou documento ao presidente da República
Hamm entregou documento ao presidente da República
O governo federal inaugurou, ontem, um trecho de 47 quilômetros de duplicação da BR-116, em Pelotas. De acordo com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, a obra está dentro da ‘estratégia de integração regional sul-americana’. O objetivo é aumentar a capacidade de veículos, principalmente de caminhões, além de prevenir acidentes. O presidente da República, Jair Bolsonaro, PSL, adiantou, durante cerimônia oficial, que o projeto terá recursos garantidos.
O presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Conclusão das Obras de Duplicação da BR-116, deputado federal Afonso Hamm, do Progressistas, entregou m documento, ao presidente, solicitando a liberação de recursos para a continuação da obra. “Em sete anos de obras, não tínhamos um quilômetro liberado. Hoje temos 47 quilômetros. Queremos concluir. E nós, parlamentares, haveremos de fazer nossos esforços”, disse. Bolsonaro afirmou que seu governo está ‘fazendo de tudo para que obras paradas sejam concluídas' e garantiu R$ 100 milhões para que mais um trecho, de 55 quilômetros, seja finalizado.
A BR-116 é a principal via de acesso ao sul do Estado e ao Porto de Rio Grande, corredor de escoamento de produtos agrícolas e industriais entre o Brasil e o Mercosul. Freitas destacou que o projeto de duplicação da rodovia é de 2002, salientando que a licitação foi concluída em 2011. As obras, entretanto, só começaram em 2017 e nada havia sido entregue até então. Após a liberação dos primeiros 47 quilômetros, ontem, o ministro garantiu que o ritmo vai ser mantido. A intenção é concluir a duplicação dos cerca de 230 quilômetros entre Porto Alegre e Pelotas até o fim de 2021, com investimento total de R$ 1,6 bilhão.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...