ANO: 26 | Nº: 6588
15/08/2019 Fogo cruzado

Comissão do Senado aprova criação do Dia Nacional da Ovinocultura

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte aprovou o parecer do senador Lasier Martins, do Podemos, favorável ao projeto de lei que cria o Dia Nacional da Ovinocultura. A proposição, assinada pelo deputado federal Afonso Hamm, do Progressistas, agora tramita em plenário. A votação deve ocorrer após conclusão do prazo para apresentação de emendas.
Lasier argumentava, em seu parecer, que a 'criação do Dia Nacional da Ovinocultura é uma oportunidade para a discussão e conscientização sobre essa atividade que, além de movimentar a economia, é também um instrumento de inclusão social'.
O projeto institui uma comemoração anual no dia 19 de janeiro, 'com o objetivo de conscientizar os produtores rurais e a sociedade brasileira acerca da importância da ovinocultura para a economia'. A redação, que já foi aprovada pela Câmara dos Deputados, prevê que o governo federal deverá promover campanhas de esclarecimento sobre a importância e benefícios da atividade.
Hamm argumenta, na justificativa apresentada junto à matéria, que a data busca homenagear a Arco, fundada em 1942, como Associação Rio-grandense de Criadores de Ovinos, com a finalidade de congregar os produtores de ovinos do Rio Grande Sul. “Posteriormente, pelo seu trabalho abrangente no incentivo à ovinocultura nacional, transformou-se na Associação Brasileira de Criadores de Ovinos (Arco), com sede na cidade de Bagé”, destaca.
O progressista observa, ainda, que a ovinocultura tem maior representatividade nos estados do Rio Grande do Sul, Bahia, Ceará, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Paraná e Mato Grosso do Sul. “A produção anual alcança 11 milhões de toneladas de lã, principalmente no Rio Grande do Sul, com cadeia produtiva formada por 35 mil estabelecimentos agropecuários.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...