ANO: 25 | Nº: 6382
16/08/2019 Campo e Negócios

Marfrig tem lucro de R$ 86,5 milhões no segundo trimestre

Foto: Tiago Rolim de Moura

Grupo conta com unidade em Bagé
Grupo conta com unidade em Bagé
A Marfrig Global Foods, uma das líderes mundiais em carne bovina, acaba de apresentar à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) seu resultado fiscal referente ao segundo trimestre de 2019. No período entre abril e junho deste ano, a companhia registrou evolução na maioria de seus indicadores financeiros. A receita líquida consolidada da Marfrig bateu o recorde histórico, atingindo R$ 12,2 bilhões - crescimento de 9,8% na comparação com o mesmo período de 2018.

Pelo terceiro trimestre consecutivo, a companhia registrou lucro. Entre abril e junho, o lucro líquido consolidado atingiu R$ 86,5 milhões – um ganho expressivo, sobretudo quando comparado com o prejuízo de 582 milhões de reais do segundo trimestre do ano passado. O Ebitda Ajustado – também recorde – foi de 1,1 bilhão de reais, uma expansão de 13,3% na comparação anual e margem de 9,1%.

Houve, segundo a empresa, melhoria também nos indicadores de alavancagem. "Medida pela relação dívida líquida/Ebitda Ajustado proforma dos últimos 12 meses, a alavancagem da Marfrig passou de 2,76x no primeiro trimestre deste ano para 2,65x no segundo trimestre de 2019", citou informe do grupo.

"O fluxo de caixa operacional foi de 876 milhões de reais e o fluxo de caixa livre atingiu 408 milhões de reais no trimestre, resultado computado antes do pagamento de dividendos e do investimento em aquisições. Em junho, a companhia concluiu o investimento na compra da Iowa Premium, por cerca de 150 milhões de dólares. A operação agregou 1 100 cabeças/dia à capacidade de abate da Operação América do Norte e fortaleceu o portfólio de produtos de maior valor agregado. A Iowa Premium produz apenas carnes de gado Black Angus e é especializada em cortes com certificação USDA Choice e USDA Prime", completou a nota.

"Os resultados refletem a consistência da nossa estratégia e a capacidade de execução dos diferentes times que compõem a Marfrig", diz Eduardo Miron, CEO da Marfrig Global Foods.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...