ANO: 25 | Nº: 6458
16/08/2019 Cidade

Militares celebram Páscoa fora de época

Foto: Tiago Rolim de Moura

Ato fora de época ocorre desde o final da Segunda Guerra Mundial
Ato fora de época ocorre desde o final da Segunda Guerra Mundial
Tradicionalmente celebrada fora de época, aconteceu, na manhã de ontem, na Igreja Nossa Senhora Auxiliadora, a missa de Páscoa do Exército. A cerimônia reuniu centenas de militares de todas as unidades da Guarnição de Bagé.
O capelão militar, padre Alealdo Wendell Meneses Mendonça, destaca que a tradição iniciou após o retorno da Força Expedicionária, que atuou em campanha na Itália, durante a Segunda Guerra Mundial. Como à época, os militares não conseguiram celebrar uma das datas mais importantes para o Cristianismo, a Semana Santa foi celebrada após a chegada dos pracinhas.
Padre Wendell conta que, desde então, a tradição se manteve, celebrando a Páscoa em diferentes datas, com o consentimento da Igreja, buscando preservar a história do final da Segunda Guerra Mundial, quando a Força Expedicionária Brasileira (FEB) retornou ao Brasil.
A cerimônia de ontem foi celebrada pelo bispo Dom Cleonir Dalbosco.

Mais imagens

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...