ANO: 25 | Nº: 6332
16/08/2019 Cidade

Pampa Sul garante retenção de até 99,9% das partículas lançadas na atmosfera

Foto: Fabio Campos/ Especial JM

Pluma branca pode ser visualizada na chaminé e nas torres de resfriamento
Pluma branca pode ser visualizada na chaminé e nas torres de resfriamento
O conjunto tecnológico empregado na UTE Pampa Sul, desde a caldeira de leito fluidizado, enquadrada como uma tecnologia limpa para a combustão carvão, até os sistemas de abatimento de emissões atmosféricas, formado por um conjunto composto pelo precipitador eletrostático, filtro de manga e um lavador de gases (Flue Gas Dessulfurization - FGD), são capazes de alcançar níveis de abatimento de materiais particulados lançados pela chaminé da Usina em até 99,9%, realizando a emissão apenas de uma pluma branca de vapor resultante do processo de resfriamento de gases.
“A cinza leve resultante do processo de queima do carvão passa pelo sistema de abatimento de material particulado, e desse processo de limpeza resultam alguns gases que, quando passam pelo FGD, são lavados por uma solução com calcário e água filtrada que reage com os óxidos de enxofre presentes nos gases de exaustão.
Das trocas térmicas da temperatura dos gases, resulta a pluma branca de vapor que pode ser visualizada na chaminé da Usina. A intensidade da pluma é proporcional as trocas de calor e fica mais visível ainda em dias secos, pois nessas condições há um contraste entre a pluma branca e o céu azul”, explica o gerente de operação da UTE Pampa Sul, Renato Schmidt Barbosa.
Os 200 metros de altura da chaminé da UTE Pampa Sul auxiliam na dispersão dos gases, contribuindo para a minimização dos impactos sobre a qualidade do ar.
“Sempre que a UTE Pampa Sul estiver em operação estará emitindo esta pluma branca pela sua chaminé. E, se considerados os níveis de abatimento de materiais particulados e de lavagem dos gases, podemos destacar que a emissão da pluma branca é um indicador positivo de que a Usina está operando conforme os padrões exigidos pela legislação e pela Licença de Operação (LO) da Usina, emitida pelo Ibama, que utiliza parâmetros internacionais e modernos para a medição das emissões atmosféricas”, acrescenta Barbosa.
Outro aspecto que pode ser observado durante a operação da Usina é uma pluma de vapor resultante das torres de resfriamento que, apesar de aspecto semelhante à pluma lançada pela chaminé, tem densidade mais baixa e é formada apenas por vapor de água.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...