ANO: 26 | Nº: 6543
17/08/2019 Segurança

Evento debate propostas de alteração da legislação de trânsito

Aumento de pontos para a suspensão da CNH, eliminação da multa para quem não coloca as crianças em cadeirinhas, revogação do exame toxicológico para motoristas profissionais. Para debater essas e outras alterações do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), propostas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro, o Rio Grande do Sul reúne suas principais autoridades de trânsito na próxima segunda-feira.
A Jornada do Trânsito acontece às 14h, no auditório da Secretaria da Segurança Pública (rua Voluntários da Pátria, nº 1358, 9º andar). A promoção é do CetranRS, DetranRS e frentes parlamentares federal e estadual em defesa do trânsito seguro.
O projeto 3.267, de 2019, protocolado pelo presidente Bolsonaro, provocou polêmica. A proposta também prevê o aumento da validade da habilitação de cinco para 10 anos (de 2,5 para cinco anos para idosos), a redução da multa por transitar sem capacete e a restrição da exigência do farol aceso durante o dia para as rodovias de pista simples.
Além dos promotores, estarão representados a Empresa Pública de Transporte e Circulação, Instituto Zero Acidente, Fundação Tiago Gonzaga, Famurs, Associação Gaúcha de Municípios, Polícia Rodoviária Federal e Comando Rodoviário da Brigada Militar. O evento também contará com a palestra do Tenente Coronel da Reserva da Brigada Militar, Ordeli Savedra Gomes, especialista em Gestão e Legislação de Trânsito, autor de diversas edições do CTB comentado.
O evento é aberto ao público, mas as vagas são limitadas. As inscrições são feitas pelo link sites.google.com/view/jornada-ctb.

Deixe seu comentário abaixo

Mais notícias da edição

Outras edições

Carregando...